Como captar investimento para a minha startup? Veja dicas em vídeo

Como captar investimento para a minha startup? Veja dicas em vídeo

Cristina Mieko, analista de inovação do Sebrae, fala sobre a importância do investimento e dá dicas sobre como se apresentar a investidores e quais cuidados tomar

Redação, O Estado de S.Paulo

23 de novembro de 2021 | 10h10

Enquanto alguns empreendedores não veem a hora de receber um investimento para a startup que está criando, outros não têm interesse no aporte porque querem deter o controle acionário da empresa. Em ambos os casos, pode ser válido participar de programas de captação e aceleração para desenvolver autoconhecimento da companhia e aumentar a rede de contatos.

Segundo Cristina Mieko, analista de inovação do Sebrae, o investimento é importante para fazer a startup tracionar e escalar de forma mais rápida. No quadro 3 perguntas para, ela dá dicas sobre como captar esse dinheiro e como se apresentar aos investidores.

A especialista afirma que, além de ter uma ideia validada, que solucione um problema real do mercado, é fundamental planejar um bom pitch e mostrar as vantagens da empresa.

Veja todas as dicas no vídeo abaixo:

Mais dicas de empreendedorismo

O quadro 3 perguntas para recebe especialistas para responder dúvidas dos leitores sobre carreira e empreendedorismo. Se você tem perguntas sobre mercado de trabalho e negócios, envie para pme@estadao.com.

Receba também conteúdos sobre os temas e participe de discussões com profissionais na comunidade do Estadão Carreira e Empreendedorismo no Telegram. Para entrar no grupo, clique aqui.

Confira alguns dos assuntos já tratados nos vídeos de empreendedorismo:

Como aumentar a produtividade da empresa: Sebrae dá dicas em vídeo

Caito Maia: 'Use tecnologia, mas nunca esqueça do potencial do ser humano'

Como internacionalizar sua empresa e exportar? Veja dicas do Sebrae

Site próprio ou marketplace? Veja dicas de especialista do Sebrae

Nova economia: VP do Ifood dá dicas para adaptar empresa

4 dicas do Sebrae sobre marketing digital em tempos de redes sociais

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.