Pixabay
Pixabay

Negócios de moda da zona leste de SP são foco de programa de aceleração

Projeto Modela, idealizado por Emperifa e Casulo, com apoio do Instituto C&A, vai oferecer 1 ano e 3 meses de capacitação a micro e pequenos empreendedores; inscrições abertas até 23/6

Redação, O Estado de S.Paulo

21 de junho de 2021 | 10h11

Micro e pequenos empreendedores da zona leste de São Paulo são o foco do Modela, programa de aceleração de moda idealizado pela Emperifa e pelo Casulo Impacto, com o apoio do Instituto C&A, braço social da C&A Brasil, e das fundações ARYMAX e Tide Setubal. A iniciativa está com inscrições abertas até o dia 23 de junho, por meio do site

O Modela tem como objetivo apoiar e desenvolver negócios do segmento da moda, que faz parte da economia criativa, tão afetada pela pandemia. Ao se ter em vista a importância do empreendedorismo de impacto social, o apoio a estes empreendedores se torna indispensável e acontece por meio de uma série de iniciativas, justificam os organizadores.

O programa acontecerá em formato 100% remoto, com duração total de 1 ano e 3 meses. Na primeira fase, serão selecionados 30 negócios para uma imersão de três meses, com o objetivo de se aproximarem de conceitos e assuntos relacionados à gestão de moda e à solução de problemas mais urgentes de gestão. 

Para a segunda fase da iniciativa, que terá duração de 3 meses, serão selecionados 12 negócios que se destacarem na primeira etapa. Eles passarão por um processo de aceleração que tem como intuito promover a capacitação em gestão de moda. É nesta fase que os empreendedores terão assessoria individual, que ajudará a fortalecer os negócios, deixando-os mais competitivos.

Ao fim da aceleração, os 12 negócios serão acompanhados por 1 ano para monitorar os seus desenvolvimentos e solidificar práticas de gestão e planejamento.

Quer debater assuntos de Carreira e Empreendedorismo? Entre para o nosso grupo no Telegram pelo link ou digite @gruposuacarreira na barra de pesquisa do aplicativo. 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.