ESTADÃO PME » » notícias

Franquias| 19 de março de 2018 | 10h 40

Franquia fatura com serviço de banheiros químicos de luxo

Focada em eventos, WChic tem trailer de seis cabines de toalete com ar-condicionado, pia com sensor e enxaguante bucal

Matheus Riga, especial para - O Estado de S.Paulo

O trailer projetado para a WChic pesa duas toneladas e contém seis cabines de sanitários. Foto: Matheus Meireles.

O trailer projetado para a WChic pesa duas toneladas e contém seis cabines de sanitários. Foto: Matheus Meireles.

Festas de casamento ao ar livre, lançamentos imobiliários e feiras corporativas são alguns dos eventos que a franquia campineira de banheiros químicos de luxo, WChic, atende no Brasil. O empreendimento criado por Ernesto Brisolla Manzur leva a essas ocasiões o seu diferencial: um “trailer-toalete”, que foi projetado especialmente para o seu negócio, com seis cabines, podendo atender até 500 pessoas por evento.

A ideia de criar a WChic, como conta Manzur, surgiu em uma viagem a lazer nos Estados Unidos. Ao visitar uma praia americana, ele viu que um dos bares no local disponibilizava dois trailers com banheiro. O detalhe é que esses sanitários tinham ar-condicionado. “Quando eu entrei, percebi que era isso que faltava nos eventos de Campinas (SP)”, afirma. Quando retornou ao Brasil, o empreendedor e mais um sócio foram atrás de uma empresa especializada em trailers para tornar sua ideia realidade.

Após todo o processo de criação, o primeiro “veículo-banheiro” estava à disposição para testes. Pesando duas toneladas, o trailer tem em sua parte estrutural um gerador de eletricidade e um tanque de água de 800L, o tornando independente, sem necessidade de conectar a nenhum ponto de energia ou abastecimento hídrico. Além disso, cada uma das seis cabines contém ar-condicionado, pia com sensor de movimento, espelho, enxaguante bucal, fio dental e papel toalha. “Ele foi projetado para fazer evento em um deserto, funcionando por até 9h de uso contínuo”, diz Manzur.

Cada cabine da WChic tem ar-condicionado e pia com sensor de movimento. Foto: Matheus Meireles.

Cada cabine da WChic tem ar-condicionado e pia com sensor de movimento. Foto: Matheus Meireles.

Criada em 2014, a WChic só tinha o seu primeiro protótipo para operação. Após quatro anos, e a conclusão do processo para abrir franquia, o empreendimento já tem mais cinco unidades, em três estados diferentes - São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro - e nove trailers disponíveis. Para se juntar ao empreendimento como franqueado, é necessário ter uma quantia de R$ 232 mil, que inclui R$ 20 mil de taxa de inscrição, R$ 130 mil para o custeio do veículo, R$ 60 mil para a compra de uma caminhonete para transporte do banheiro, R$ 19 mil de capital de giro e R$ 3 mil para marketing.

O retorno de investimento é de 29 meses. “É uma previsão bem conservadora, tendo em vista que todos nossos franqueados conseguiram em muito menos tempo”, afirma Manzur. Segundo o empreendedor, o faturamento de cada uma das unidades varia entre R$ 230 mil a R$ 550 mil ao ano. Para chegar a esse número, as franquias vendem o serviço padrão da WChic para cada evento de oito horas, que tem como preço sugerido R$ 4.500. Além do trailer carregado com insumos, como papel toalha e enxaguante bucal, a empresa providencia um funcionário para limpeza do trailer e outro para manutenção. Ao fim do mês, há uma mensalidade de R$ 3.200 a ser paga, que contempla serviços de marketing e royalties por veículo.

Alguns dos insumos incluídos no serviço padrão da WChic são o enxaguante bucal e o fio dental. Foto: Matheus Meireles. 

Alguns dos insumos incluídos no serviço padrão da WChic são o enxaguante bucal e o fio dental. Foto: Matheus Meireles. 

Siga o Estadão PME nas redes sociais 

Instagram: @estadaopme 

Twitter: @estadaopme 

Facebook: www.facebook.com/estadaopme

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui