ESTADÃO PME » » notícias

Empreendedorismo| 28 de março de 2018 | 7h 05

Empresa soluciona problemas do cotidiano

Jovem é demitida depois de se tornar mãe e cria negócio de concierge virtual

Letícia Ginak - O Estado de S.Paulo

Tatiana Flroes, criadora da GoPlan, que oferece serviço de assistente pessoal. Foto: Amanda Perobelli/ Estadão 

Tatiana Flroes, criadora da GoPlan, que oferece serviço de assistente pessoal. Foto: Amanda Perobelli/ Estadão 

A administradora de empresas Tatiana Flores perdeu o emprego em 2014, após o término de sua licença-maternidade. Tatiana trabalhava como supervisora de gestão de qualidade no setor da construção civil e, após a demissão, decidiu viver a maternidade por cerca de um ano e meio. Foi nesse período que identificou uma oportunidade de negócio e, posteriormente, decidiu empreender.

“Na época em que fiquei em casa, meus familiares e amigos começaram a me pedir ajuda para resolver alguns problemas, como cancelar um serviço contratado. Percebi, então, que existia uma demanda para este tipo de solução de problemas, porque as pessoas realmente não têm tempo para resolver questões do dia a dia. Ou não querem gastar seu tempo livre com problemas burocráticos e chatos”, conta.

Os favores se tornaram a Go Plan Gestão, uma empresa fundamentada no conceito de contratação de uma assistente pessoal. Fundada no início de 2017, a empresa oferece três tipos de pacotes de soluções de problemas. O bronze (até cinco solicitações por mês, R$ 99 ), o prata (até 15 solicitações/mês, R$ 159) e o ouro (até 30 solicitações/mês, R$ 199). O investimento para formatar a empresa foi de R$ 10 mil.

Os tipos de contratempos que podem ser resolvidos pela Go Plan são questões que não exigem dados sigilosos do contratante. Entre os serviços, a empresa auxilia e resolve questões como o cancelamento de planos de canais fechados de televisão, renovação de documentos, trâmites relacionados à renovação de passaporte, agendamento de consultas médicas e exames, pesquisa de orçamentos, entre outras.

Além de encontrar uma nova oportunidade para voltar ao mercado, agora como dona de empresa, Tatiana também enxergou uma chance de ajudar outras mães que passaram pela mesma situação que ela e idosos, contratando-os para exercer uma ocupação e garantir uma renda. A maior dificuldade encontrada pela empreendedora é fazer os clientes se adaptarem ao trabalho a distância. “Há resistência ao novo.”

::MPEs de comércio faturam 19,4% em janeiro e impulsionam pequenos negócios::

Desde a abertura, a empresa já faturou R$ 38, 8 mil, de acordo com Tatiana. 

Para o professor de empreendedorismo e inovação da Escola de Administração da Fundação Getúlio Vargas (Eaesp- FGV), Newton Campos, a necessidade do serviço e o problema estão bem identificados e justificam a criação da empresa de Tatiana.

No entanto, ele aponta para a importância da excelência do serviço. “A empresa conversa com um problema real, que é a falta de tempo das pessoas. Mas a padronização do atendimento das assistentes é fundamental, para que o cliente não precise entrar em contato com a empresa para reclamar de um serviço que ele contratou justamente para o auxiliar em um problema”, afirma.

Mercado. Tatiana, atualmente, atende apenas o consumidor final, com uma cartela de 40 clientes espalhados por São Paulo, Goiás e Rio de Janeiro. Os planos de expansão e também a possibilidade de oferecer o serviço para empresas como mais uma frente do negócio já estão em andamento, com a captação de contratos com algumas organizações.

“Trabalhar com empresas possibilita uma escala maior para o negócio. Estou em busca de companhias de cartão de crédito e em conversa com duas empresas para oferecer este serviço de concierge, especialmente para clientes que contratam planos top oferecidos por essas empresas. Outra ideia é conversar com departamentos de recursos humanos, para emplacar o serviço como um benefício aos funcionários.”

Aceleração. A Go Plan passa por um processo de aceleração na B2Mamy, empresa que conecta mães empreendedoras ao ecossistema de inovação, proporcionando mentorias e networking para as empresas incubadas.

Siga o Estadão PME nas redes sociais 

Instagram: @estadaopme 

Twitter: @estadaopme 

Facebook: www.facebook.com/estadaopme

Estadão PME - Links patrocinados

Anuncie aqui