Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90
Produto deve chegar ao mercado até o meio do ano
Produto deve chegar ao mercado até o meio do ano

Venda de bebida alcoólica em pó é autorizada nos Estados Unidos

Quatro variedades do produto foram aprovadas pela agência reguladora

Estadão PME,

12 de março de 2015 | 14h57

Produto que causou polêmica desde o seu lançamento, o Palcohol, uma espécie de álcool em pó, teve a comercialização autorizada nos Estados Unidos pela agência que regula a venda de álcool e tabaco no país. De acordo com a AP, o produto já tinha recebido autorização no ano passado, mas a agência recuou da decisão ao citar alguns erros.

::: Saiba tudo sobre :::

Mercado de franquias

O futuro das startups

Grandes empresários

Minha história

O porta-voz da agência, Tom Hogue, disse à AP que os problemas foram resolvidos e que quatro variedades do produto foram aprovadas. Hogue ainda informou que cada estado pode regular a venda de bebidas alcoólicas dentro das suas fronteiras.

Ainda segundo a AP, vários estados já tomaram medidas para proibir o álcool em pó, mas a aprovação é um passo em frente para a pequena empresa fabricante do produto.

O Palcohol é vendido em um saco, onde é preciso acrescentar água para fazer a bebida alcoólica. Em seu site, a empresa afirma que espera começar a vender o produto até o meio do ano.


A empresa ainda informa que o produto pode ser usado em aplicações comerciais, médias e alimentares. Por exemplo, pessoas que vão praticar atividades ao ar livre tem a vantagem de não precisar levar as garrafas de bebida. O produto ainda pode ser utilizado em hotéis e por companhias aéreas, por exemplo.

A empresa também aponta os motivos contra a proibição. Ela defende que não há evidência que o produto será usado de forma diferente que o álcool líquido. E argumenta que a proibição pode criar um mercado negro e que existe uma demanda pelo produto de pessoas e empresas para utilizá-lo de forma"responsável e legal". 

Tudo o que sabemos sobre:
álcoolestadão pmeestados unidos

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.