Reprodução
Reprodução

Startup desenvolve fone que permite compartilhar músicas com amigo por meio de bluetooth

O valor do produto, que pode ser encomendado pelo site da empresa, é de R$ 334

Estadão PME,

26 de maio de 2014 | 15h55

O fone de ouvido sem fio da Wearhaus, empresa da Califórnia, nos Estados Unidos, permite que o usuário compartilhe músicas com alguém próximo que também esteja usando o produto. O controle é feito por meio de um aplicativo para smartphone e a transferência de arquivos ocorre por meio de bluetooth. Para ir avante, o negócio busca US$ 75 mil, cerca de R$ 167 mil, por meio de financiamento coletivo. Até agora, quase 400 interessados contribuíram para levantar 82% do valor pretendido.

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Poder compartilhar as música com outra pessoa pode ser um atributo atrativo, mas o risco talvez possa ser que para essa funcionalidade fazer sentido deve haver um número significativo de consumidores que tenham o produto.

Por outro lado, entretanto, vale ressaltar que o fone não faz só isso. Por meio do aplicativo, chamado ARC, os usuários também podem fazer um streaming de música (uma espécie de pasta virtual com as canções preferidas) usando serviços como Spotify, Pandora, YouTube ou SoundCloud – sem que haja a necessidade de baixar arquivos no dispositivo, seja um celular ou um tablet.

A duração de reprodução de músicas, segundo os desenvolvedores, é de 16 horas. O produto, um par de fones, pode ser encomendado no site da empresa por US$ 149,99, equivalente a R$ 334, até 7 de junho. O preço de varejo deverá ser de US$ 200, ou R$ 445.

Quem decidir comprar dois pares nesse período de pré-venda paga US$ 249,99, ou R$ 556,20, e, com isso, pode economizar US$ 150, equivalente a R$ 334.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.