SP recebe uma feira de negócios a cada três dias

Eventos podem gerar bons negócios para pequenos e médios empreendedores

Ligia Aguilhar - Estadão PME,

07 de agosto de 2011 | 16h47

A cidade de São Paulo recebe uma feira de negócios a cada três dias - 120 das 180 previstas para este ano em todo Brasil. Oportunidade para pequenas empresas apresentarem seus produtos e serviços ao mercado, intensificar relacionamentos comerciais, prospectar novos clientes, conhecer tendências e concorrentes, além de, claro, fechar negócios e impulsionar as vendas.

 

 

De calçados a utilidades domésticas, há feiras para todos os públicos e setores. Juntos, esses eventos devem gerar uma receita de R$ 3,5 bilhões em 2011, sendo R$ 1 bilhão em serviços nos pavilhões.

 

 

"Não há outra ferramenta que permita essa exposição no mercado nacional e internacional em um espaço tão curto de tempo", diz o presidente executivo da União Brasileira dos Promotores de Feiras (Ubrafe), Armando Campos Melo.

 

 

Diante de tantas opções, Melo sugere que o empreendedor visite algumas feiras nacionais e internacionais do segmento de atuação da sua empresa para entender como esse mercado funciona. "É interessante conversar com representantes da associação de classe, com o sindicato e concorrentes para saber quais são as mais importantes", diz.

 

 

::: LEIA TAMBÉM :::

::Inovação é a chave para o sucesso::

::Empresas participam do salão do turismo::

::Dilma sanciona lei que protege empresário::

::Turismo para gays movimenta rodada de negócios::

::Rodadas de negócios geram expectativa::

::Pequenas exploram pouco venda direta para empresas::

::Artesão terá espaço para vender na Copa do Mundo::

::5 estratégias para a sua empresa crescer::

 

 

Segundo ele, a partir desse primeiro contato, o empreendedor pode escolher com mais propriedade em quais feiras expor.

 

 

Ele destaca também que todo o planejamento dos expositores deve ocorrer com antecedência de um ano. "O empresário precisa de tempo para preparar o material promocional, pesquisar como atuam os concorrentes e saber que produtos são mais adequados para serem expostos. Essa não é uma decisão que as micro e pequenas empresas podem tomar do dia para noite", diz.

 

 

Confira abaixo alguns dos principais eventos que acontecem no segundo semestre deste ano:

 

 

Concrete Show - evento internacional de tecnologia em concreto

Quando: De 31 de agosto a 2 de setembro

Onde: Centro de Exposições Imigrantes (Rodovia dos Imigrantes, km 1,5, São Paulo/SP)

Para quem: Engenheiros, arquitetos, projetistas, construtoras, distribuidores e demais interessados em inovações e tendências mundiais em sistemas e métodos construtivos à base de concreto.

http://www.concreteshow.com.br/

 

 

Beauty Fair - Feira internacional de Cosméticos e Beleza

Quando: De 10 a 13 de setembro

Onde: Expo Center Norte (Rua José Bernardo Pinto, 333, Vila Guilherme, São Paulo/SP)

Para quem: Toda a cadeia produtiva dos setores de cosméticos e beleza.

http://www.beautyfair.com.br/

 

 

Salão Imobiliário São Paulo

Quando: De 22 a 25 de setembro

Onde: Anhembi (Av. Olavo Fontoura, 1.209, São Paulo /SP)

Para quem: Interessados na compra de residências, escritórios, imóveis comerciais, turísticos, financiamento imobiliário, produtos e serviços do setor.

http://www.sisp.com.br/

 

 

Feileite - 5ª Feira Internacional da Cadeia Produtiva do Leite

Quando: De 31 de outubro a 4 de novembro

Onde: Centro de Exposições Imigrantes (Rodovia dos Imigrantes, Km 1,5, São Paulo/SP)

Para quem: Representantes da cadeia produtiva do leite das áreas de laticínios, maquinários, insumos, genética e veterinária.

http://www.feileite.com.br/

 

 

Confira mais feiras e eventos na seção feiras e eventos do Estadão PME.

Tudo o que sabemos sobre:
feiraseventosSPBrasilnegócios

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.