Divulgação
Divulgação

Site de currículo em formato de vídeo é a aposta de empresário

Solução da Videojobs promete agilidade e economia para seleção de novos profissionais, já tem 4 mil cadastros e até o final do ano quer chegar a 100 mil

Rodrigo Rezende, Estadão PME,

11 de julho de 2013 | 08h12

Redução de custos e tempo de contratação são os benefícios principais que o site Videojobs oferece aos seus clientes. Depois de oito meses para desenvolver o projeto, o empreendedor Alexandre Domingues colocou a empresa no ar há cerca de um mês. Nesse período, conquistou 25 clientes, sendo que dois deles são empresas de grande porte e outros são pequenos e médios.

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

O site tem uma base de quatro mil vídeos e quer aumentar o cadastro para até 100 mil ainda neste ano. “Estamos em um ritmo bom, pois outros sites de currículos registram de cinco a sete mil cadastros novos por mês”, diz. Candidatos a empregos podem incluir gratuitamente seus currículos em forma de vídeos para ficarem disponíveis às empresas que assinam um pacote.

Segundo Domingues, a ideia é eliminar a primeira entrevista. “Currículos são muito parecidos e isso dificulta a empresa na hora de selecionar e o profissional a diferenciar-se, então percebi uma oportunidade para atender a  uma necessidade do mercado”, afirma.

O empresário trabalhava como gerente comercial  em uma instituição financeira e decidiu se dedicar totalmente ao projeto. Para viabilizar a ideia, ele procurou um sócio investidor e seguiu avante na carreira de empreendedor. O valor investido até agora foi de R$ 100 mil, mas a empresa ainda terá duas etapas de investimento. Domingues conta que já está desenvolvendo novidades para 2014. “Queremos virar o setor terceirizado de seleção e recrutamento das pequenas e médias empresas”, afirma.

Uma facilidade para os candidatos é que no site eles encontram um manual que ensina a como fazer uma gravação de qualidade. Para as empresas que analisam os perfis, a vantagem principal, conta Domingues, é que o site oferece mais de 30 filtros de pesquisa. “Essa é uma quantidade bem acima do que outras ferramentas que atuam nesse segmento oferecem”, explica o empresário.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.