Sebrae-SP vai fazer consultoria online para empreendedores e interessados no assunto

Dúvidas sobre seu negócio? Mande uma pergunta para a gente

ESTADÃO PME,

06 de janeiro de 2014 | 09h12

O Estadão PME e o Sebrae-SP vão realizar, a partir desta segunda-feira (06) até o dia 24 de janeiro, uma consultoria online sobre empreendedorismo para os internautas. O interessado poderá enviar perguntas sobre oportunidades de negócios, dúvidas sobre a gestão do seu atual negócio ou até a respeito das perspectivas para os donos de pequenos negócios para os próximos meses.

Para mandar sua pergunta vale usar nossas redes sociais

:: Twitter :: 

:: Facebook :: 

:: Google + ::

Ou encaminhe um e-mail para pme@estadao.com

Durante três semanas, as perguntas enviadas serão recolhidas e encaminhadas aos consultores do Sebrae-SP, que então irão respondê-las. As dez dúvidas mais freqüentes e importantes ganharão uma reportagem própria - a série vai ao ar entre os dia 27 e 31 de janeiro. Para ter sua pergunta respondida, é necessário enviar o nome completo e deixar um e-mail para a resposta.

O Sebrae São Paulo já faz consultorias gratuitamente, seja presencialmente em suas unidades espalhadas pelo estado ou pelo telefone (0800-570-0800). Em 2013, os consultores atenderam 467 mil empresas, além de 210 mil pessoas físicas interessadas em abrir o seu próprio negócio.

Segundo o consultor de negócios do Sebrae-SP, Fabiano Akiyoshi Nagamatsu, as dúvidas mais freqüentes dizem respeito a maneira ideal de abrir uma empresa, assim como pedidos de análises sobre a viabilidade mercadológica e financeira de determinado empreendimento. "Nos últimos tempos, tem crescido também as perguntas sobre microfranquias, tanto das pessoas que querem adquirir uma quanto daquelas que querem se tornar uma franquia", afirma.

:: Ensino do Empreendedorismo precisa crescer :::

Fabiano, que é especializado em marketing, planejamento estatégico, recursos humanos e tecnologia, afirma que cresce o interesse ainda por startups de tecnologia, principalmente entre  jovens e universitários. "Vem muita gente perguntar o que tem de diferente, quais os requisitos necessários e como acompanhar uma startup que já está no mercado." Para atender a demanda, o Sebrae-SP testa atualmente um projeto piloto de aceleração de startups na cidade de Santos  o projeto deve ser levado ainda neste ano para todas as unidades do Sebrae no estado.

Tudo o que sabemos sobre:
FEIRA DO EMPREENDEDOR

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.