Divulgação
Divulgação

Saiba que cuidados tomar antes de transformar a empresa em franquia

Confira as dicas do especialista Luis Henrique Stockler para crescer com estrutura

GISELE TAMAMAR, ESTADÃO PME,

22 de agosto de 2012 | 12h10

Um negócio com potencial para crescer vê pela frente o caminho das franquias. Mas antes de seguir em frente, é preciso tomar alguns cuidados para a expansão não se transformar em gastos extras e até resultar em prejuízo para a marca e para o dono da empresa.

De acordo com o sócio-diretor da consultoria de varejo ba}Stockler, Luis Henrique Stockler, o proprietário precisa se planejar em como se estruturar para virar franquia. "É preciso mostrar que a lição de casa foi feita, mostrar que sabe onde estão os riscos e as oportunidades. Você passa a vender um sonho, mas um sonho estruturado", afirma o consultor.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Outra recomendação é para o empresário verificar se realmente vale a pena crescer por meio de franquias. Para exemplificar, o consultor relata o caso de uma pizzaria gourmet. O estabelecimento trabalha com a receita do molho da família, massa com fermento especial e atenção no atendimento com garçons com muitos anos de casa.

"A pizzaria tem toda uma tradição e a franquia não era o melhor caminho para crescer. Corria-se o risco de todo esse cuidado ser perdido no processo de crescimento", conta Stockler. A recomendação foi crescer por meio de unidades próprias, com sociedade com gerente já experiente, por exemplo. O caminho foi eleger os sucessores dentro da própria casa. "O proprietário não pode se iludir com as propostas de pedidos de franquias sem antes ver se está preparado para isso", diz Stockler.

A DVI, empresa especializada em diagnóstico por imagem em odontologia, pretende lançar o plano de expansão por meio de franquias no começo de 2013. Fundada em 2005 em Ribeirão Preto, a DVI tem planos para abrir 60 clínicas em dois anos. Atualmente, o Grupo DVI tem cinco unidades no interior do Estado de São Paulo.

Pela experiência na área, a DVI recebe convites para fazer cursos e palestras sobre a especialidade. A expansão rápida e o perfil de ensino renderam pedidos para abertura de clínicas em outras regiões. "Notamos

uma oportunidade de negócio e estamos nos estruturando", afirma o diretor-geral do Grupo DVI, Hugo Rosin.

:: Pontos importantes para transformar um negócio em franquia ::

Conhecimento

O franqueador precisa entender muito bem do próprio negócio, conhecer suas sazonalidades e características.

Requisitos

Verificar se o seu negócio atende a três requisitos básicos: se é padronizável, multiplicável e rentável para as duas partes, franqueador e franqueado.

Atenção

Para ser franqueável, o negócio não pode ser extremamente complexo. O consultor recomenda atenção com a capacidade de distribuição e suporte para a gestão comercial e administrativa das novas franquias.

Perfil

O dono do negócio precisa avaliar se vai conseguir lidar com a função e cargos novos. De acordo com Stockler, o franqueador deve ser um educador, multiplicador de conhecimento, gerenciar por liderança, saber ouvir e mediar conflitos.

Planejamento

Um planejamento mal executado pode resultar em gastos extras e problemas de relacionamento com franqueados, além de processos jurídicos diversos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.