Reprodução Site
Reprodução Site

Restaurante precisa ser diferente. E vale inovar no cardápio ou então no modo de servir

Vale cardápio único, servir com robô ou ter mesas apenas para um cliente

ESTADÃO PME,

03 de setembro de 2013 | 16h00

O bacon é a estrela principal de um recém-lançado restaurante em Chicago, nos Estados Unidos. O chef David Burke é conhecido por suas criações inovadoras e resolveu abrir o Burke´s Bacon Bar, que serve minissanduíches com bacon, é claro. O restaurante abriu as portas na terça-feira, 20.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

O restaurante trabalha com quatro tipos diferentes de bacon. A maioria dos lanches, chamados de handwiches, custam US$ 4 ou três por US$ 11. O Burke´s Bacon Bar também vende sopas, saladas e sobremesas, como uma versão de cookies com bacon. De acordo com o site Huffington Post, o cardápio do restaurante tem nove minissanduíches, sendo que oito levam bacon. Existe uma opção para vegetarianos, uma versão com berinjela e parmesão. Mas quem quiser também pode adicional bacon por US$ 1.

O bacon foi a aposta do restaurante norte-americano para se diferenciar da concorrência. Já um estabelecimento na Holanda, chamado Eenmaal, inovou ao oferecer apenas mesas individuais aos clientes. A ideia é promover um ambiente calmo em contraste com o barulho das casas tradicionais. Leia a matéria aqui.

Outra empresa do setor que chamou atenção foi uma rede inglesa que investiu no atendimento ao cliente com uma bandeja voadora. A YO! Sushi criou a iTray, que funciona com um pequeno avião-robô, também conhecido como drone, equipado com um sistema de Wi-Fi. O funcionário utiliza um tablet para comandar a bandeja e entregar os pedidos para os clientes. Confira mais detalhes aqui.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.