Divulgação
Divulgação

Relógio da Apple? Concorrente projeta dados na mão dos usuários e arrecada R$ 3 milhões

Empreendedores ingressaram, com sucesso, projeto no site de financiamento coletivo Indiegogo

ESTADÃO PME,

18 de setembro de 2014 | 07h06

Na semana passada, a Apple fez bastante barulho no mundo todo ao lançar o seu relógio inteligente - parte da estratégia da empresa para alcançar novos mercados e, principalmente, outros consumidores. O caráter inovador do produto dividiu a opinião dos especialistas, o que não parece ser o caso de outro relógio.

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

O Ritot é o que os seus criadores definiram como o primeiro relógio que projeta informações da história. O relógio tem a aparência de uma pulseira e, claro, projeta a hora e outras informações diretamente na mão do usuário. Basta tocar um botão com uma das mãos. A engenhoca parece ter caído no gosto dos consumidores e o projeto, colocado em um site de financiamento coletivo, já arrecadou US$ 1,3 milhão - R$ 3 milhões de apoiadores anônimos. A meta inicial era de US$ 50 mil - modestos R$ 117 mil.

Além de projetar a hora, o relógio ainda pode ser configurado para notificar ligações, mensagens de texto, lembretes e e-mails. A projeção, informam os desenvolvedores, desaparece automaticamente após dez segundos.

 

Tudo o que sabemos sobre:
RELÓGIO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.