Tiago Queiroz/Estadão
Tiago Queiroz/Estadão

Programa potencializa empreendedorismo e empoderamento femininos

Estão abertas as inscrições para o programa Empreendedoras Digitais, que tem a meta de capacitar 300 mulheres e gerar 30 startups em todas as regiões de São Paulo

Mateus Apud, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2019 | 12h08

Nesta quarta feira, 17, acontece o primeiro meetup (encontro para conexões e networking) do programa Empreendedoras Digitais. Com inscrições gratuitas e ainda abertas, o encontro acontece no auditório do Conservatório da Praça das Artes, região central da cidade, e o foco das discussões será a participação feminina no mercado de tecnologia e os principais objetivos a serem alcançados para que essa posição seja ampliada nos próximos anos.

A iniciativa conjunta do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações, da Financiadora de Estudos e Projetos (Finep), em parceria com a Ade Sampa – Agência São Paulo de Desenvolvimento e a Softex, tem a meta de capacitar 300 mulheres e gerar 30 startups que serão acompanhadas em um processo de pré-aceleração a ser realizado na capital.

Leia mais

:: O especialista responde: como gerenciar vagas em seu salão de beleza

:: Aceleradora da periferia anuncia 10 startups para 3ª edição de programa

Destinado a mulheres empreendedoras, seja de startups ou não, coletivos e postulantes a empreendedoras, as participantes poderão articular iniciativas, coletivos e organizações que tenham o empoderamento feminino como principal pauta de atuação. A primeira fase do projeto conta com atividades intensivas de mentorias e educação, que preparam as equipes na elaboração de propostas para o edital.

As conversas serão realizadas com mulheres ocupantes de  cargos de destaque no mundo dos negócios e da tecnologia, servindo de exemplo e inspiração para o público presente. Estarão presentes nesta quarta-feira, 17, a secretária de Desenvolvimento Econômico e Trabalho, Aline Cardoso, a empreendedora e fundadora do PrograMaria, Iana Chan, a fundadora do Elas_inTech, Clarissa Luz, e a co-fundadora da Conta Black, Fernanda Ribeiro.

Programação e inscrições no site do programa.

* ESTAGIÁRIO SOB A SUPERVISÃO DO EDITOR DE SUPLEMENTOS, DANIEL FERNANDES

Tudo o que sabemos sobre:
tecnologiafeminismo

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.