Andre Dusek/Estadão
Andre Dusek/Estadão

Primeiro desafio de secretaria da micro e pequena empresa será combater a burocracia

Ministro tomou posse nesta terça-feira na Secretaria da Micro e Pequena Empresa

Daiene Cardoso e Rafael Moraes Moura, Estadão,

09 de maio de 2013 | 11h10

Matéria atualizada às 11h55

Durante o discurso de posse como ministro da Secretaria da Micro e Pequena Empresa, Guilherme Afif Domingos, afirmou que seu primeiro grande desafio é combater a burocracia. "Burocracia é o grande biombo da corrupção", disse nesta terça-feira, dia 9. Esse foi um dos pontos citados pelos leitores do Estadão PME logo após a criação da secretaria. 

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Afif disse ainda que o empreendedorismo, representado pelas pequenas empresas, não é bandeira partidária e sim uma bandeira nacional. A lei que criou a secretaria foi sancionada pela presidente Dilma Rousseff no dia 1º de abril. O órgão foi criado para assessorar direta e imediatamente a presidente, especialmente, na formulação de políticas de estímulo ao microempreendedorismo e ao artesanato.

Segundo a presidente, esse segmento é o que mais sofre com a burocracia. "Todo mundo sofre com a burocracia, mas quem mais sofre são as micro e pequenas empresas", disse Dilma, sustentando que as micro e pequenas empresas precisam de política de crédito e tributária.

O novo ministério assumirá as competências referentes à microempresa, empresa de pequeno porte e artesanato que eram da responsabilidade do Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior (MDIC). Nas contas do Palácio do Planalto, o novo ministério representará um gasto anual de R$ 7,9 milhões aos cofres públicos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.