Marcello Casal Jr/Agência Brasil
Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Prêmio vai apoiar inovação de microempreendedores na pandemia

Iniciativa Desafio Serasa Experian para Micro e Pequenas Empresas vai aportar R$ 25 mil a cada um dos 20 vencedores; inscrições foram prorrogadas até 16 de dezembro

Redação, O Estado de S.Paulo

13 de novembro de 2020 | 17h28
Atualizado 27 de novembro de 2020 | 09h00

Com o objetivo de apoiar os empreendedores em seus projetos de inovação e a enfrentar os obstáculos da pandemia, a Serasa Experian anunciou o Desafio Serasa Experian para Micro e Pequenas Empresas. A iniciativa distribuirá R$ 500 mil em prêmio aos vencedores, divididos em 20 empreendedores, que receberão um aporte de R$ 25 mil cada um. 

Para concorrer ao prêmio, é preciso se inscrever pelo site até o dia 16 de dezembro de 2020 (prazo que foi prorrogado) e enviar um projeto de inovação que tem como foco manter a empresa saudável nesse novo ambiente de negócio. Ainda no processo de inscrição, o empreendedor terá que informar se há interesse na mentoria voluntária dos funcionários da Serasa Experian para produção do conteúdo do vídeo que concorrerá ao desafio. 

Além disso, é necessário fazer um curso online sobre educação financeira e acessar o Serasa Score para entender a saúde financeira da empresa. Depois de cumprir todos os passos, a inscrição é confirmada via e-mail. 

Em seguida, os projetos inscritos serão analisados pelo comitê julgador e os 20 finalistas serão os premiados com R$ 25 mil, cada um. Todos os inscritos poderão optar por receber mentoria para ajudar no desenvolvimento do seu projeto.  

Quanto aos pré-requisitos para participar do desafio, é necessário o empreendedor possuir CNPJ válido e ativo junto à Receita Federal e estar enquadrado nas seguintes categorias: 

  1. Microempreendedor individual: faturamento anual igual ou inferior a R$ 81 mil
  2. Micro Empresa: faturamento anual igual ou inferior a R$ 360 mil
  3. Pequenas empresas: faturamento anual superior a R$ 360 mil e igual ou inferior a R$ 4,8 milhões

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.