Ayrton Vignola/AE
Ayrton Vignola/AE

Pequena empresa especializa-se em vender ideias e sonhos e faz bastante sucesso no Brasil

Empreendimento especializou-se em eventos motivacionais em empresas e até em shoppings

CRIS OLIVETTE, OPORTUNIDADES,

21 de maio de 2012 | 12h15

Há 22 anos, os cariocas Abraham e Marcello Larrat, pai e filho, criaram a Larrat Realizações de Marketing. “Aproveitamos a experiência adquirida na Daniel Azulay Produções, onde gerenciávamos shows, eventos e celebridades, e montamos a empresa.”

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

No início, o foco eram os shoppings centers, mas ao longo do tempo diversificaram os clientes. “No setor da construção, por exemplo, atendemos 90% das grandes empresas como Gafisa, PDG e Cyrella”, diz Marcelo Larrat. O empresário informa que há três anos vem realizando eventos corporativos internacionais. “Começamos com uma ação motivacional para 350 revendedores da Shell, em Dubai.” Segundo Larrat, o crescimento do negócio ficou mais acelerado nos últimos anos. “Em 2011, crescemos 40% e para 2012 nossa expectativa é atingirmos 50%.”

Formado em rádio e TV, com pós-graduação em marketing, o carioca Marcello Larrat, hoje com 43 anos, atua no setor de marketing e eventos desde os 18. “Comecei trabalhando com meu pai na produtora do Daniel Azulay e em 1991 criamos a Larrat Realizações de Eventos”, conta.

Em atividade há 21 anos, a empresa é especializada na realização de ações de marketing em shoppings, eventos corporativos como convenções e lançamentos, e em ações motivacionais para corretores de imóveis e revendedores de combustível.

“Com o boom do mercado imobiliário, fomos praticamente sugados pelo segmento, que era carente de ações criativas para cativar os corretores.” Segundo Larrat, sua empresa atende 90% das grandes construtoras.

Para incentivar os corretores da Cyrella, por exemplo, ele faz quatro campanhas anuais. As ações têm o foco na motivação para vender imóveis. “A mais recente foi batizada de Reis do Estoque. Fizemos uma convenção num castelo em Itaipava, que contou com um banquete real. Os três corretores que mais venderem, viajarão para a Inglaterra para conhecer seus castelos.”

Desde que a Shell Internacional passou a ser sua cliente, em 2010, a Larrat realiza eventos motivacionais em outros países, voltados a revendedores de combustível. No primeiro ano, a ação ocorreu em Dubai para 350 pessoas. No ano passado, 400 pessoas visitaram a Grécia. “Em junho, levaremos 850 pessoas para passar uma semana em Paris.”

Segundo Larrat, será a primeira vez em que uma empresa do Brasil fechará o Museu do Louvre para uma premiação. “Nosso negócio é vender ideias e sonhos, e os clientes sempre esperam alguma coisa a mais.”

Larrat diz que se especializar no que se faz ajuda a consolidar o negócio. “Durante a vida aprendi muito com meu pai, que infelizmente já faleceu. Assim como ele, considero fundamental ser parceiro do cliente nos bons e nos maus momentos.” A empresa que cresceu 40% em 2011, projeta expansão de 50% em 2012.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.