Reprodução do site
Reprodução do site

Pequena empresa cria máquina que aceita cartão para consumidor que deseja dar gorjeta

Ideia do negócio surgiu em 2008, a partir da observação do empreendedor responsável pelo negócio

ESTADÃO PME,

18 de abril de 2013 | 11h37

 Uma ideia simples, mas que faz todo sentido - principalmente nos Estados Unidos e Europa. Uma empresa chamada DipJar criou um dispositivo, muito parecido com as máquinas que aceitam cartões de crédito e débito, mas que aceita apenas gorjetas. Não é difícil encontrar em estabelecimentos no exterior uma jarra onde o cliente, satisfeito com o serviço ou produtos oferecidos, deposita moedas e cédulas de baixo valor.

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

De acordo com a empresa, o problema é que as pessoas acabam ficando sem troco - e deixam de dar a esperada gorjeta. A máquina, portanto, pretende solucionar esse problema.

A proposta de negócio - a ideia para criar a máquina - surgiu quando o empreendedor Ryder Kessler percebeu que os funcionários do café que ele frequentava estavam, digamos assim, desanimados com o grande volume de trabalho e o baixo valor das gorjetas - situação ocasionada, segundo ele, justamente por conta da falta de um equipamento específico que facilitasse a contribuição voluntária dos clientes.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.