Helder vai participar do próximo Encontro PME
Helder vai participar do próximo Encontro PME

Participe do próximo Encontro PME com o presidente da Forno de Minas

Envie um e-mail para pme@estadao.com com uma pergunta que você gostaria de fazer

Estadão PME,

04 de agosto de 2015 | 07h23

Com um investimento de R$ 100 mil, dona Dalva e os filhos Hélida e Helder abriram uma pequena loja para vender a receita caseira de pão de queijo que fazia sucesso entre amigos e familiares. Em apenas um ano, em 1991, o pão de queijo Forno de Minas passou a ser produzido em larga escala. A produção passou de 90 kg por dia para 1,2 mil kg por dia.

::: Saiba tudo sobre :::

Mercado de franquias

O futuro das startups

Grandes empresários

Minha história

A empresa cresceu e despertou o interesse de compradores. Em 1999, a Forno de Minas foi vendida para a multinacional americana General Mills, mas dez anos depois voltou para o comando da família. Hoje, Dona Dalva responde pela área de pesquisa e desenvolvimento. Helder é presidente da empresa e Hélida é responsável pelas áreas de RH e comunicação.

Além do tradicional pão de queijo, a empresa ainda produz massas frescas, empadas, empanadas, palitos de queijo e folhados. Em 2010, a indústria se associou ao fundo de private equity Mercatto Alimentos. No ano passado, a empresa faturou R$ 230 milhões e espera crescer 28% em 2015.

Encontro

Para falar sobre sua trajetória, experiência no setor, desafios e estratégias para crescer, Helder Mendonça irá participar da próxima edição do Encontro PME. O empresário vai responder perguntas de pequenos empresários na sede do Estadão (Avenida Professor Celestino Bourroul, 100, zona norte de São Paulo), no dia 27 de agosto, a partir das 9h30.

Quer participar do evento? Então envie uma pergunta que você gostaria de fazer ao empresário para o e-mail pme@estadao.com. Os internautas que enviarem as melhores questões terão a oportunidade de participar do evento. É fundamental informar seu nome e um telefone de contato para concorrer.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.