Divulgação
Divulgação

Para empresárias, reuniões de trabalho podem ser feitas durante uma corrida

Empresárias consideram que a produção de endorfina estimula o pensamento criativo

ESTADÃO PME,

06 de maio de 2013 | 18h01

Nada de reuniões com funcionários trancados dentro de um escritório. Para as empresárias Neda Talebian Funk e Caroline Limpert, cofundadoras da FITiST, as melhores ideias e discussões surgem fora do local de trabalho, durante uma corrida, por exemplo.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Em entrevista para o site da revista americana de negócios Fast Company, Caroline disse que "quando você está correndo, suas endorfinas estão em alta, você está fora de um escritório tradicional - fora de seu elemento. Você é capaz de falar sobre as coisas mais abertamente e com franqueza".

As empresárias consideram que a produção de endorfina estimula o pensamento criativo que nunca parece acontecer na sala de conferência. Por isso, elas estimulam seus colegas a levar as discussões de negócios para ambientes nada parecidos como uma sala de reunião. Pode ser em qualquer lugar, não necessariamente uma corrida.

Neda e Caroline são cofundadoras do FITiST, um site americano de reservas para fitness e bem-estar. O site oferece planos de treinamento, que variam de uma a três meses. É possível marcar treinos de última hora e a empresa mantém parcerias com academias e spas, além de profissionais das áreas de nutrição e medicina esportiva, por exemplo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.