'O Brasil tem poucos empreendedores globais', diz co-CEO da VTEX

Falando sobre expansão e inovações de sua empresa no segmento de e-commerce, Mariano Gomide de Faria foi o segundo entrevistado da série do Estadão PME sobre o futuro do empreendedorismo

Felipe Tringoni, especial para, O Estado de S.Paulo

05 de dezembro de 2017 | 14h53

Mariano Gomide de Faria começou sua carreira no mercado financeiro e fundou a VTEX em 2000. Atuando hoje como co-CEO da empresa e responsável pelos mercados da Europa e Ásia, ele trouxe para a série especial do Estadão PME sobre o futuro do empreendedorismo sua maneira de pensar a expansão do negócio. "A cultura é muito importante para o empreendedorismo. Se você quer ser global, esteja aberto a lidar com coisas diferentes", diz.

:: Estadão PME discute o futuro do empreendedorismo ::

:: Para a jovem Manoela Meroti, empreender é para qualquer idade ::

Neste bate-papo, Mariano fala também sobre inovações de gestão, traz insights do ramo de e-commerce SaaS (Software as a Service) e dá dicas preciosas a empreendedores de todos os segmentos e estágios de negócio. "A melhor maneira de empreender é, primeiro, conhecer aquilo que se está fazendo."

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.