Reprodução/Site
Reprodução/Site

Norte-americano cria lápis com semente que transforma-se em berinjela ou pé de pimenta

Com 22 opções de sementes na extremidade, Sproud vira legumes, flores e também ervas

Renato Jakitas, Estadão PME,

24 de outubro de 2012 | 16h50

Ao invés de jogar os tocos de lápis por ai, que tal plantá-los em um vaso na mesa do escritório, em casa ou na sala de aula? A proposta é de um grupo de empreendedores dos Estados Unidos. Eles criaram o Sprout, um lápis de madeira que carrega em sua extremidade algumas sementes. Em contato com terra e água, elas começam a germinar.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

São 22 tipos de sementes, de berinjela e tomate, a menta e malmequer. Confeccionado em cedro, o único inconveniente do lápis e que ele, de fato, ainda não está disponível para a comercialização. Seus criadores estão em fase inicial de desenvolvimento do projeto e o lançaram no site de crowdfunding Kickstarter, uma ferramenta que permite a designers e outros profissionais envolvidos em processos de criação a conexão com públicos dispostos a financiar  suas invenções.

Portanto, com US$ 5 (cerca de R$ 10), os interessados, que no Kickstarter são chamados de apoiadores, conseguem investir na produção do Sprout e, assim que o produto alcançar a fase de produção, recebem um lápis em casa.

Para o Brasil, os criadores do Sproud pedem mais US$ 5 para custear as despesas com o transporte.

Saiba mais sobre o Sproud no vídeo abaixo:

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.