Mônica Zarattini/AE
Mônica Zarattini/AE

Mais de 100 mil empresas ficam fora do Supersimples

Número representa mais de 40% do total de negócios de pequeno porte que pediram adesão ao sistema

ESTADÃO PME,

02 de março de 2012 | 09h22

 Dados divulgados nesta sexta-feira, dia 2 de março, pelo Sebrae indicam que 116,8 mil empresas não conseguiram ingressar no Supersimples - sistema tributário diferenciado específico para negócios de pequeno porte. Esse número representa mais de 40% do total de empreendimentos que fizeram o pedido oficial ao Comitê Gestor do Simples Nacional. O pedido de ingresso no sistema ocorre uma vez por ano, sempre no mês de janeiro.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Ingressar no Supersimples, ou Simples Nacional, significa que a empresa terá alivio da carga tributária, uma das principais reclamações dos empresários brasileiros. Neste ano, o limite de faturamento que permitia a entrada da microempresa no sistema passou de R$ 240 mil para R$ 360 mil. No caso dos pequenos negócios, o limite de R$ 2,4 milhões foi para R$ 3,6 milhões.

Ainda de acordo com dados do Sebrae, o Supersimples já conta com mais de seis milhões de micro e pequenas empresas e empreendedores individuais - neste último caso, trabalhadores por conta própria com receita bruta de até R$ 5 mil por mês, entre eles, vendedores de roupas, cabeleireiros, manicures e pedicures.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.