Klout: site dá nota para influência exercida por pessoas e empresas nas redes sociais

Klout: site dá nota para influência exercida por pessoas e empresas nas redes sociais

Descubra por que a ferramenta pode ser importante para a sua empresa

Renato Jakitas, Estadão PME,

31 de maio de 2012 | 12h20

Você é influente na internet? Uma ferramenta desenvolvida nos Estados Unidos encontrou uma maneira de responder a essa pergunta de maneira matemática. Mais que um site ou uma nova mídia social, o Klout é uma matriz virtual que cruza dados dos perfis espalhados, entre outros, pelo Facebook, Twitter, Google+, Foursquare e dá uma nota, de zero a 100, sobre o nível de relevância do usuário analisado.

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

A ideia virou moda há pelo menos um ano e meio, tempo em que vem sendo utilizada pelos frequentadores das redes sociais, principalmente os mais assíduos e entendidos do assunto. O que geralmente motiva esses usuários é a competição pura e simples. Algo como: "meu ranking no Klout é superior ao seu".

No entanto, como o Klout pode funcionar no ambiente corporativo? Qual é, de fato, a importância dessa ferramenta  para as estratégias de comunicação e as ações de relacionamento de uma empresa?

Segundo o professor de redes sociais no curso de marketing digital da ESPM, Alexandre Marquesi, o Klout pode ser, sim, muito útil para o pequeno e médio empresário. A ferramenta, diz o especialista, funciona como um termômetro da imagem da empresa para formadores de opinião. O Klout aponta o alcance e a capacidade de mobilização de quem está falando – mal ou bem – de uma determinada marca na internet.

“Quando uma pessoa comenta sobre uma empresa nas mídias sociais, principalmente uma pequena empresa, é fundamental saber qual o poder de influência que ela tem. Quem são seus seguidores no Twitter ou amigos no Facebook, e até que ponto eles consideram relevante determinada opinião”, explica.

Para tanto, o Klout utiliza-se de 35 variáveis capazes de mensurar a influência de uma pessoa nas redes sociais. E por influência ele leva em conta basicamente três fatores: o alcance da audiência; o quão relevante é essa audiência; e o volume de ações que geram as mensagens de um determinado perfil, como retuítes (o reenvio de mensagens por outros tuiteiros),  além de comentários e “curtidas” no Facebook.

O índice médio das pessoas no Klout é de cerca de 20 pontos. Chegar ao valor máximo, que é 100, é tarefa difícil, para não dizer quase impossível. O astro adolescente Justin Biebier alcançou esse feito, foi nota máxima dentro do Klout, seguido pelo presidente norte-americano Barack Obama, que ostenta um índice 94. No Brasil, um dos destaques é o empresário Eike Batista, nota 77 no Klout (o megainvestidor Warren Buffet tem 64 pontos). Dilma Rousself, que não é tão atuante nas mídias sociais, tem seus 65 pontos.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.