Reprodução
Reprodução

Jogo em homenagem a Street Fighter e Mortal Kombat apresenta personagens gays nas lutas

Proposta tem causado adesão e repulsa nos Estados Unidos e será lançada em janeiro

ESTADÃO PME,

09 de dezembro de 2013 | 15h40

 Não é possível dizer ainda se o game será um sucesso. Mas deverá provocar muita discussão, afinal, a proposta do empreendedor Michael Venker é no mínimo diferente. Ele pretende lançar em janeiro o primeiro game com personagens homossexuais. O nome? Ultimate Gay Fighter, talvez inspirado no sucesso de jogos como Street Fighter 2 e Mortal Kombat.

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

O jogo estará disponível no Google Play e na App Store no começo do ano que vem e está sendo descrito por seu criador como o primeiro vídeo game gay. "Esse jogo veio até mim por meio de amigos uns cinco anos atrás. Eu falei durante quatro anos sobre como ele seria um projeto pequeno para fazer até que um encontro no OkCupid (site de encontros online) me convenceu de que esse jogo seria sensacional", afirmou ao site da revista Fast Company.

O jogo pretende ser uma sátira dos antigos games de luta, que fizeram tanto sucesso na década de 1990. A pequena empresa que desenvolve o jogo tem recebido reações diferentes da comunidade gay nos Estados Unidos. De acordo com Venker, algumas pessoas adoram o tom de humor adotado, mas para outros o jogo é pra lá de ofensivo. Tire suas próprias conclusões ao assistir o vídeo abaixo.

Tudo o que sabemos sobre:
game

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.