Dida Sampaio/Estadão
Dida Sampaio/Estadão

GOL lança programa de fidelidade para pequeno e médio empresário

Categoria representa um mercado potencial de R$ 10 bilhões ao ano para a empresa

Vivian Codogno, O Estado de S. Paulo

01 de novembro de 2016 | 13h44

Em busca de fisgar o pequeno e médio empresário que viaja a trabalho, além de tentar reverter a queda na emissão de bilhetes aéreos em reflexo da crise, a GOL Linhas Aéreas Inteligentes lança hoje um programa de fidelização direcionado a esse público. O VoeBiz deve abarcar aproximadamente um terço dos consumidores que compram paassagens online, montante com características de pequenas e médias empresas, conforme mostram dados da companhia.

Conforme aponta o vice-presidente de Vendas e Marketing da GOL, Eduardo Bernardes, a clientela flutuante de PMEs chega a até 70% do fluxo de emissão de bilhetes em um mês. "Ao colocar isso tudo no papel, percebemos o mercado potencial de compra desse mercado do CNPJ, que pode chegar a R$ 10 bilhões ao ano para a GOL", comenta Bernardes. 

O programa funcionará com base no acúmulo de pontos, computados a partir das viagens realizadas pelo cliente cadastrado pelo site da VoeBiz. A partir de então, ele pode resgatar em descontos em passagens em duas categorias de fidelidade: Essencial e Prime. Para clientes cadastrados, o VoeBiz  vai permitir que as empresas participantes acompanhem suas viagens a negócios por meio de um portal dentro da plataforma. Os descontos abarcam, também, as companhias aéreas AirFrance, KLM e Delta.

"Esse cliente viaja, em média, quatro vezes ao mês a trabalho", comenta Bernardes. "Visualizar o histórico de compras junto a companhia aérea é importante para quem está fazendo a gestão, para quem participa", explica o executivo da GOL. 

Tudo o que sabemos sobre:
Delta

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.