Mônica Bento/AE
Mônica Bento/AE

Faturamento das pequenas e microempresas cresce 8,1% no primeiro trimestre

O acréscimo na receita foi de R$ 6,4 bilhões em relação ao mesmo período de 2011; comércio registrou o maior índice de crescimento, 11%.

Estadão PME,

08 de maio de 2012 | 09h46

O faturamento das pequenas e microempresas cresceu 8,1%  no primeiro trimestre de 2012, chegando a R$ 85,4 bilhões, alta de R$ 6,4 bilhões em relação ao mesmo período de 2011, segundo a Pesquisa Indicadores do Sebrae-SP. Embora o resultado do trimestre tenha sido positivo para as pequenas e microempresas, a indústria teve um desempenho negativo, de - 0,6%.

O comércio teve um acréscimo de 11% na receita, e serviços faturou 8,5% a mais no período analisado.“As reduções nos juros básicos (taxa Selic), registradas nos últimos meses de 2011 e início de 2012, deverão contribuir para um aumento no nível de atividade da economia, no segundo semestre de 2012, inclusive para a indústria”, afirma o consultor do Sebrae-SP, Pedro Gonçalves.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google+ ::

Ainda segundo a Pesquisa, a expectativa dos proprietários de pequenas e microempresas em abril de 2012 é de estabilidade para o faturamento da empresa nos próximos seis meses: 50% acreditam em manutenção na receita da empresa, ante 48% em abril/11.

Otimismo. Para o diretor superintendente do Sebrae-SP, Bruno Caetano, o cenário é positivo. “As expectativas para o restante do ano são relativamente favoráveis. Com o crescimento da ocupação e renda na economia e juros básicos menores, o nível de atividade da economia deve crescer no segundo semestre.”

Diante desse cenário, Caetano recomenda que os empresários se planejem para aproveitar as oportunidades de vendas, como o Dia das Mães e o Dia dos Namorados."Gestão do estoque, contratação de temporários e promoções para atrair a clientela precisam ser planejados desde já”, aconselha.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.