Nilton Kukuda/AE
Nilton Kukuda/AE

Exercícios ajudam a melhorar desempenho profissional

Atividade física reduz o estresse, diminui a ansiedade e melhora o sono

Ligia Aguilhar, Estadão PME,

29 de julho de 2011 | 14h55

Se a falta de tempo é o principal motivo – ou desculpa – para você não fazer atividade física, é melhor mudar seu argumento. Especialistas consultados pelo Estadão PME garantem: com apenas 30 minutos de exercícios, três vezes por semana, você consegue ter uma vida bem mais saudável.

Quer outro motivo? O lucro da sua empresa pode até aumentar, afinal, a prática de exercícios ajuda a controlar o estresse, reduz a ansiedade, melhora a qualidade do sono e, por consequência, aumenta a produtividade do empreendedor.

O primeiro passo é vencer as barreiras da preguiça e do desconforto, naturais para quem é sedentário e precisa lidar com muitos compromissos ao longo do dia. “A atividade gera um vício positivo. Em até 60 dias é possível sentir as primeiras melhoras, como o aumento da disposição. O próprio corpo começa a ‘pedir’ a continuidade dos exercícios”, garante o diretor técnico da rede de academias Bio Ritmo, Saturno de Souza.

O personal trainer Arthur Monteiro sugere que iniciantes façam 30 minutos de exercícios três vezes por semana. Após três meses, o treino pode aumentar para quatro ou cinco sessões. Conforme o corpo se adapta, o praticante pode até estabelecer a rotina de seis treinos de 40 minutos a uma hora por semana. Afinal, segundo o especialista, “quem pensa em estética não pode achar que levantar dois quilos de peso vai trazer resultado”.

Não existe uma atividade física mais indicada do que a outra. Porém, os especialistas sugerem que entre as três mais procuradas (natação, musculação e corrida), o ideal é combinar o treino muscular com a atividade aeróbia. Na prática, isso significa intercalar musculação com corrida ou natação. “Uma alternativa é fazer 20 minutos de esteira e 20 minutos de musculação, trabalhando só os principais grupos musculares”, sugere o especialista Souza.

Outra opção para quem pratica exercícios é fazer musculação no formato de circuito, ou seja, intercalando exercícios com pequenas sessões de corrida de um minuto. Já aqueles que praticam natação, podem complementar os benefícios dessa atividade com um treino leve de musculação.

Viciado em corrida

O empresário Ely Behar, de 37 anos, dono da rede de lojas U/Racer, pode ser considerado um viciado em corrida. “Depois do exercício muda tudo, o cérebro fica mais oxigenado e eu consigo lidar melhor com as tarefas do dia”, diz.

Desde 2003, o empreendedor intercala quatro dias de treinos de corrida com dois de musculação. Também já correu maratonas (42 quilômetros) e ultramaratonas, com trajetos de até 150 quilômetros. Com isso, reduziu o peso de 106 quilos para 90 quilos. “O empreendedor já tem dentro de si a perseverança. Basta trazer a mesma força para o esporte para que a prática regular seja possível.”

ASSISTA AO VÍDEO:

Alimentação saudável ajuda o empresário

Tudo o que sabemos sobre:
SaúdeEmpresa

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.