Reprodução Endeavor
Reprodução Endeavor

Endeavor seleciona novos empreendedores para aceleração

Brasileiras MaxMilhas e ContaAzul foram escolhidas após participarem de seleção global da organização de fomento

Estadão PME

17 de maio de 2017 | 18h36

A Endeavor Global anunciou nesta quarta-feira (17) a lista de novas empresas que participarão do programa de apoio a empreendedores e entre elas estão duas iniciativas brasileiras: a MaxMilhas e a ContaAzul. A intenção do programa é acelerar o crescimento dessas startups a partir de mentorias coornenadas por consultores da organização.

O Painel Internacional de Seleção (ISP), realizado em Londres, foi a última etapa do processo e reuniu 30 empresas provenientes de 19 países e que foram consideradas 'apostas' pela organização de fomento. Na banca, mentores como Matt Harris, Managing Director da Bain Capital Ventures; Stuart Nivison, Global Head of Business Banking do HSBC; Oliver Garel, Manager Director da Unilever Ventures e Anton Commisaries, Founder da Mint.com.

No mercado brasileiro desde 2014 e liderada por Max Oliveira, a mineira MaxMilhas já comercializou em torno de 4 bilhões de milhagens aéreas em seu site, com 400 mil passagens emitidas. Na mesma linha disruptiva, e apontada como "a primeira startup que pode se tornar bilionária no Brasil" pela Forbes, a ContaAzul hoje já tem uma lista de clientes na casa dos milhares. A empresa criou um sistema de gestão completamente acessível por meio da web e fácil de usar, em contraponto a grandes sistemas como Totvs e SAP. O software é vendido para pequenas e médias empresas por meio de uma assinatura mensal, que custa a partir de R$ 29,90. Hoje, entretanto, até grandes companhias já se tornaram clientes da ContaAzul. A empresa surgiu em Joinville, Santa Catarina, pelas mãos de Vinicius Roveda, José Carlos Sardagna e João Augusto Zaratine.  

Participam do time de mentores da Endeavor empresários como Guilherme Azevedo, à frente da startup de consultas populares Dr.Consulta, Leila Velez e Zica Assis, criadoras do Beleza Natural, e Mário Chady, líder do Grupo Trigo.

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.