Andre Lessa/AE
Andre Lessa/AE

Empresária conta sua história e dá dicas a outros pequenos empresários

Roberta Caruso precisou de uma segunda chance até vencer no mundo dos negócios

DANIEL FERNANDES, ESTADÃO PME,

11 de julho de 2011 | 11h42

Não tem jeito. Todo empresário, pouco tempo depois de abrir sua empresa, comenta com desenvoltura a respeito dos erros e acertos que cometeu. Com Roberta Caruso, não é diferente.

Dona da Overland, uma pequena empresa que oferece hospedagem ao ar livre, Roberta consegue traçar um histórico preciso sobre sua trajetória como empreendedora do início da empresa até o momento.

"A ideia do negócio foi um grande acerto. Não tem nada parecido até hoje. Outro acerto foi trabalharmos com custo fixo bem pequeno", analisa Roberta.

A Overland não possui faturamento fixo. Nos meses com "grandes eventos", como a própria empresária define, os ganhos mensais chegam a R$ 200 mil. Quando o ritmo de trabalho é menor, ela consegue faturar entre R$ 25 mil e R$ 50 mil.

Engana-se, porém, quem acredita que a trajetória empreendedora de Roberta foi suave. Ela enfrentou muitos problemas. O principal deles com sócios.

Veja os erros, acertos e dicas de Roberta para outros pequenos empresários:

O que errei

Começar um negócio promissor, mas com muitos sócios (eram três). De acordo com a empresária, como a Overland crescia a passos lentos, o retorno financeiro não vinha. E isso gerava conflitos e frustrações. Assumir a empresa sozinha foi a solução encontrada por Roberta.

O que acertei

Ela acredita ter acertado em cheio na ideia do negócio. Segundo ela, não há nada similar até hoje. Outro gol marcado pela empresa foi reduzir ao máximo o seu custo fixo para compensar, dessa maneira, o faturamento oscilante.

Uma dica

A empresa pequena precisa apostar no mundo virtual, segundo a empresária. Seu negócio tem página na rede social Facebook e site caprichado na internet. Além disso, ela procura parcerias com grandes empresas que ajudam na divulgação dos serviços prestados pela Overland.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.