Reprodução
Reprodução

Empresa vende tijolo para colocar na caixa de vaso sanitário e economizar água

Organização promove projeto na Califórnia, onde população sofre com a seca

Estadão PME,

18 de outubro de 2014 | 06h04

Um truque para economizar água na hora da descarga é colocar um tijolo na caixa da privada. Assim, o tijolo ocupa o espaço e menos água é utilizada na hora da descarga. Diante de uma das piores secas na história da Califórnia (a exemplo de São Paulo), uma empresa criou uma alternativa ao tijolo tradicional e lançou a campanha Drop-a-Brick (derrube um tijolo) com um tijolo de borracha.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

O projeto foi criado para ajudar a combater a seca na Califórnia e lançado no site de fincamento coletivo Indiegogo, os apoiadores podem comprar o tijolo de borracha para a própria casa e ainda optar por fazer uma doação para famílias que moram em áreas atingidas pela seca.

A estimativa da organização responsável pelo projeto é de que o tijolo ajuda uma família a economizar cerca de 190 litros de água por semana. Se cada morador da Califórnia aderir ao projeto, a economia de água poderia chegar a 253 milhões de litros, de acordo com o site Springwise.

A ideia foi criar uma solução sustentável. Assim, o tijolo de borracha não estraga a caixa da privada como um tijolo tradicional, é macio e se encaixa em praticamente todos os formatos de tanques de água. Quando está seco, o tijolo é leve, como uma esponja. Mas ele fica pesado e afunda quando é colocado em contato com a água graças a um gel que reage com o líquido, um gel parecido com os das fraldas para bebês.

Até a manhã de sexta-feira, 17, o projeto tinha arrecadado US$ 18 mil e não tinha atingido a meta inicial de US$ 80 mil no Indiegogo. A campanha segue até o dia 31 de outubro. 

:: Confira o vídeo da campanha ::

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.