Divulgação
Divulgação

Empresa lança aspirador de pó com robô que executa o serviço de maneira autônoma

Produto demorou dezesseis anos para ficar pronto; tempo chama a atenção dos empreendedores

ESTADÃO PME,

04 de setembro de 2014 | 12h36

 O que talvez fosse possível apenas em filmes de ficção científica, ou talvez no desenho animado Os Jetsons, vai chegar ao mercado em breve: o primeiro aspirador de pó inteiramente automatizado, capaz de executar sozinho a chata tarefa de aspirar a casa. Desenvolvido pela Dyson, o produto começará a ser vendido no Japão e, em breve, deve ganhar o mundo todo.

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

O aparelho, segundo informa o site da revista Wired,  é chamado de Eye. E isso não é por acaso. O aspirador de pó conta com uma câmera com visão de 360º que permite ao robô que opera o eletrodoméstico ter acesso a um mapa - em tempo real - do ambiente onde ele executa o serviço de limpeza. Isso faz com que esse processo, segundo o fabricante, seja mais eficiente.

O ensinamento para os empreendedores envolvidos com o desenvolvimento de novos produtos é o tempo que a empresa demorou para tirar efetivamente a  ideia do papel - 16 anos. Isso demonstra, segundo especialistas em pequenos negócios, que a tarefa de inovar não é fácil. E além disso, é extremamente cara. Mesmo assim, o resultado final pode ser muito bom - desde que o consumidor, no caso da Dyson, efetivamente compre a ideia desenvolvida.

Tudo o que sabemos sobre:
inovação

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.