Divulgação
Divulgação

Empreendedores querem que seus personagens sejam as novas Galinhas Pintadinhas

Conheça a história de outros personagens infantis que começam a lucrar com licenciamento

Gisele Tamamar, Estadão PME,

10 de abril de 2014 | 06h50

Fenômeno de audiência na internet e de vendas, a Galinha Pintadinha é um caso de sucesso. Virou hit e estampa centenas de produtos, de sandália infantil a livros. E na esteira desse caso, outros brasileiros criaram personagens para atrair a atenção das crianças e lucrar com produtos licenciados.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

A formiga azul Bob Zoom é uma criação de quatro sócios da empresa SBusiness, cada um com experiência em uma área: Maurício Carvalho (área de seguros e resseguros), Marcos Mello (trabalhou na IBM na área de mídias sociais), Oswaldo Braz (empresário) e Ricardo Drummond (trabalha com comércio exterior).

Antes de lançar o desenho, o grupo pesquisou o mercado e outros casos até chegar as características do Bob Zoom. A escolha da formiga foi devido a sua relação com o conceito de família. E azul, por ser uma cor neutra e bem aceita. O primeiro vídeo foi lançado na internet em junho de 2012 e o desenho já acumula mais de 40 milhões de visualizações no YouTube.

Uma das preocupações dos sócios foi lançar os vídeos em três línguas (português, inglês e espanhol) já com a intenção de exportar o Bob Zoom. O primeiro DVD foi lançado no meio do ano passado e o segundo deve ser lançado no segundo semestre.

Na linha de licenciamento, o Bob Zoom já estampa escova de dentes, pelúcias, cadernos, mochilas, sapatos, Squeeze e decoração de festas, por exemplo. O personagem também tem aplicativo para celular, com músicas e, mais recentemente, de histórias infantis.

"Tomamos todos os cuidados para que o Bob Zoom fosse um sucesso. E isso inclui uma série de fatores: temos expertise em internet, estudamos muito a concorrência, fizemos um trabalho de pesquisa para a concepção do personagem e procuramos ótimos parceiros", afirma Maurício Carvalho.

Educação ambiental. O personagem Macakids foi idealizado por Maikel Santos quando ele teve ideia de criar um tema de festas infantis para a empresa de decoração dos pais, no Espírito Santo. A ideia surgiu em 2005, mas foi só em 2009 que Santos conseguiu juntar recursos para fazer o lançamento dos personagens.

"Sou formado em marketing, mas trabalhava com mergulho profissional. Investi todo meu dinheiro nessa festa de lançamento", lembra. No total, com contratação de designer, registro de personagens e estrutura de cenário de lançamento, foram investidos R$ 110 mil.

Depois do primeiro passo, Santos começou a levar os personagens para apresentações em escolas para ensinar educação ambiental, produziu vídeos e passou a assinar contratos de licenciamento. Ele lançou um DVD (10 mil cópias), tem pelúcias, brinquedos educativos, revista em quadrinhos, estampa chocolates e, claro, festas infantis. Agora, o Macakids é um dos temas mais pedidos na empresa.

Santos também prepara o lançamento do aplicativo do Macakids em maio. Será um jogo gratuito com opções de compra de itens durante o jogo. "Estamos começando a sair do Espírito Santo agora com o DVD e o aplicativo", explica o criador do Macakids.

Parceria. A série Meu AmigãoZão, exibida no canal Discovery Kids, é resultado de uma coprodução do estúdio brasileiro 2D Lab com a canadense Breakthrough Animation. André Breitman, responsável pela produção executiva, afirma que a Galinha Pintadinha criou "um case" de novas mídias com pouco conteúdo, músicas com animações rápidas e jogada no YouTube na hora certa.

"Os criadores conseguiram usar as ferramentas sociais de forma pioneira", diz. Atrelado a essa ação, um grupo de empresários conseguiu levantar a marca e trabalhar com licenciamento para colocar o desenho em centenas de produtos.

Já no caso do Meu Amigãozão, Breitman afirma que foi usado o modelo da "velha economia", mesmo modelo de séries de TV e desenhos tradicionais, que têm o conteúdo como o carro-chefe. Desde 2003, a equipe estuda as características da série e por que a criança se identificaria com o desenho. "A base do desenho é a interação social, da dificuldade de criar novos amigos. E cada criança tem um amigãozão", explica.

O desenho tem um elefante azul (Golias), uma girafa rosa (Nessa) e um canguru verde (Bongo), amigos de Yuri, Lili e Matt. A primeira temporada inclui 52 episódios de 11 minutos (disponível em quatro idiomas e exibida em 40 países) e o estúdio acaba de lançar a segunda temporada. "Com uma base de conteúdo forte, ela (série) anda mais forte", destaca Breitman.

Já com licenciamentos, os personagens estão presentes em mais de 150 categorias, como roupas, mochilas, pelúcias e roupas de cama. E foca em mídias que dão receita, como NetFlix. No dia 3 de maio, será lançado o musical do desenho no Rio de Janeiro e a produção de um longa-metragem está no planejamento para 2015.

:: Confira uma galeria de fotos dos desenhos ::

:: Vídeos dos desenhos ::

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.