Reprodução
Reprodução

Empreendedora aponta três semelhanças entre o casamento e uma sociedade

Empresária indica pontos em comum entre as duas relações

Estadão PME,

22 de fevereiro de 2015 | 07h00

A empresária Leslie Barber é casada e tem um negócio próprio em parceria com uma sócia há 10 anos. As duas experiências a ajudaram a fazer relações entre o matrimônio e a vida como proprietária de um negócio. Leslie escreveu ao portal Entrepreneur sobre o que considera ser os principais pontos em comum entre as duas parcerias de sucesso: um casamento feliz e uma sociedade que dá certo. A empreendedora ressalta que o tratamento interpessoal, em ambos os casos, deve ser o mesmo para que a relação seja longa e duradoura.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

1. Comunicação, comunicação, comunicação

Assim como um casamento, uma parceria pode dar errado. Muito errado. E, assim como nos casamentos, a sociedade costuma falhar em um ponto: a comunicação. Leslie credita à comunicação o sucesso de sua parceria de 10 anos, mesmo que seja feita em excesso.

"Pequenos negócios são como família. Todo mundo sabe tudo sobre todos. Assim como no casamento, às vezes é mais fácil fechar a porta. Eu nunca fiz isso, minha sócia também não. Nós conversamos, criamos, brigamos e gargalhamos mas, acima de tudo, nos comunicamos de forma aberta e honesta", reflete a empresária.

2. Criar um contrato pré-nupcial

Contratos pré-nupciais são formatados para diversos casamentos nos dias de hoje. Abrir um negócio não é muito diferente de se casar. Você está financeiramente ligado à outra pessoa da mesma forma. No contrato de negócio, coloque tudo na mesa, defina suas metas. Discuta tudo não importa o tempo que isso leve.

"Pense no que acontecerá se você precisar deixar o negócio ou, pior, morrer. Discuta sem envolver sentimentos. Isso vai tornar a comunicação muito mais fácil quando algo acontecer. Pense que sempre acontece", analisa Leslie.

3. Tenha uma noite de encontro

Assim como em um casamento, saia para curtir. Você está escolhendo seu parceiro por muitas razões, e uma delas deve ser gostar de passar muito tempo ao lado do seu sócio, porque isso realmente vai acontecer. Então, se divirtam juntos. "Muitas vezes, as conversas mais difíceis acontecem fora do ambiente de trabalho. Isso pode tornar a conversa mais fácil", finaliza a empresária.

Tudo o que sabemos sobre:
estadão pmecasamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.