Unsplash/@giorgiotrovato
Unsplash/@giorgiotrovato

Cursos gratuitos qualificam mulheres para empreender no ramo de beleza

Terceira edição do programa Empreendedoras da Beleza, idealizado pelo Grupo Boticário, tem 15 mil vagas abertas para interessadas de todo o Brasil; inscrições vão até junho

Redação, O Estado de S.Paulo

28 de março de 2022 | 17h05

Uma pesquisa realizada pela Associação Brasileira dos Salões de Beleza (ABSB) mostrou que 52% dos profissionais do ramo deixaram as empresas no ano passado para atender em domicílio. O levantamento comparou informações de 2021 e 2019 e indicou que, segundo 66% dos donos dos negócios entrevistados, houve uma redução no número de pessoas que atuam nos salões de beleza.

Para mulheres que fazem essa mudança de rota, têm um pequeno negócio ou querem entrar para o setor, uma iniciativa do Grupo Boticário oferece cursos profissionalizantes e de empreendedorismo em parceria com a Conquer In Company e Escola Madre. O programa Empreendedoras da Beleza ensina técnicas para se qualificar na área, os passos para criar a própria empresa e ferramentas de desenvolvimento pessoal.

As inscrições vão até o dia 6 de junho, neste link, e as alunas terão até o dia 3 de julho para completar os três cursos (desenvolvimento pessoal, curso técnico e empreendedorismo). Ao se inscrever, é possível escolher um dos módulos técnicos: pele e maquiagem, unhas ou vendas. Neste caso, há uma avaliação no final e a participante tem duas chances para obter o certificado, concedido mediante 70% de acerto.

As aulas online e gratuitas são gravadas e contam com vídeos de demonstrações de técnicas e passo a passo, além de materiais complementares. Quase 5 mil mulheres já se formaram no programa e agora, na terceira edição, são 15 mil vagas abertas.

Mulheres de todo o Brasil podem se inscrever e há prioridade para aquelas de baixa renda e em situação de vulnerabilidade social, principalmente negras, incluindo mulheres transgênero.

Quer debater assuntos de Carreira e Empreendedorismo? Entre para o nosso grupo no Telegram pelo link ou digite @gruposuacarreira na barra de pesquisa do aplicativo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.