Empreender pode ser uma tarefa difícil para iniciantes
Empreender pode ser uma tarefa difícil para iniciantes

Conheça sete duras verdades sobre o empreendedorismo

Começar um negócio pode não ser tão bonito como contam as histórias de sucesso

Estadão PME,

11 de maio de 2015 | 07h04

A ideia de abrir um negócio e virar o próprio chefe pode ser estimulante para empreendedores de primeira viagem. Afinal, são tantas histórias de sucesso, tantos casos de empresários que conseguiram seu espaço de forma inovadora, que o mesmo sentimento de causa ganha pode tomar conta do astral do momento.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + :: 

Por mais que todos estes elementos se sustentem, quem deseja empreender deve ter sempre em mente que há um lado difícil por trás do papel de empresário. O portal Entrepreneur enumerou algumas das duras verdades que novos empresários devem considerar quando pensam em iniciar uma carreira. Veja quais são.

1. Você não vai ganhar dinheiro imediatamente

Para a grande maioria dos negócios, os primeiros anos de operação consistem em levantar estruturas e colocá-las para funcionar, ou seja, gastar dinheiro. Você irá gastar mais do que arrecada e, como resultado, não terá um salário por meses. Suas reservas financeiras precisam estar fortalecidas para este período.

2. Sua vida pessoal irá sofrer

Não importa o quão otimista você e as pessoas ao seu redor estejam em relação ao negócio, os relacionamentos ficaram estremecidos durante o período de construção da sua empresa. Você irá trabalhar por muitas horas, muitas vezes em casa, receberá ligações em horários indesejados e não haverá noites, feriados ou fins de semana. Você estará sempre distraído pensando nos problemas da empresa e os níveis de estresse podem ceifar os humores de uma relação saudável.

3. Tentar conciliar coisas terá um preço

Enquanto CEO do seu próprio negócio, você irá vestir diversos chapéus. Além de fazer um trabalho que gosta, vai ser administrador, supervisor, técnico, gerente de RH, marqueteiro, tudo ao mesmo tempo. Não importa o quão empolgado você esteja no início da sua carreira empreendedora, esta engrenagem pode colocá-lo para baixo.

4. Suas emoções vão tirar o melhor de você

Mesmo que você tente suprimi-los, seus sentimentos tomarão espaço em momentos em que o lado racional deveria falar mais alto. Você pode se sentir deprimido e desanimado sobre seu progresso ou com medo de não conseguir alcançar o lucro desejado em um tempo razoável. Quando suas emoções tirarem o melhor de você, suas decisões podem ficar comprometidas.

5. Nada vai acontecer da forma que você imaginou

Seu plano de negócios pode detalhar cuidadosamente cada passo para os primeiros anos de sua empresa, mas não importa o quanto pesquisou, você não será capaz de prever tudo. Mesmo o que foi premeditado não vai acontecer exatamente como você imaginou. Como empreendedor, você será forçado a adaptar-se, às vezes de maneiras indesejadas.

6. Você tomará decisões que vão o assombrar

Como empreendedor, você tomará as decisões difíceis da empresa, como firmar e abandonar parcerias, sacrificar parte da visão estabelecida, e as temidas demissões. Estas decisões nunca são fáceis, mas devem ser feitas, e o acompanharão sempre.

7. Você irá falhar

Sua empresa pode falir. Se isso não acontecer, haverá alguma outra falha, maciça ou menor, que irá interferir nos seus planos e comprometer a sua visão. Fracasso é uma parte inevitável e essencial do empreendedorismo, embora perceber isso raramente o torne o aceitável. O obstáculo da falha está sempre presente, no entanto, a capacidade de recuperação de falha é o que leva ao sucesso.

Tudo o que sabemos sobre:
Empreendedorismosucessoempresas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.