Edu Cesar/Divulgação
Edu Cesar/Divulgação

Conheça dez startups legais que podem servir de inspiração para você iniciar o seu negócio próprio

Lista de empresas vai desde rede social de esportes até ferramenta para ajudar a encontrar cachorros perdidos

ESTADÃO PME,

10 de março de 2013 | 11h50

Uma máquina que compra o celular velho e faz o pagamento em dinheiro na hora ou um aplicativo para você revelar as fotos do Instagram e Facebook. O Estadão PME listou dez startups com negócios interessantes que podem servir de inspiração para quem pretende abrir seu próprio negócio. Veja os exemplos:

EcoATM

Uma startup de San Diego, na Califórnia, já atraiu US$ 17 milhões em investimentos e conquistou até US$ 1 milhão do governo norte-americano por conta do produto inovador que desenvolveu. A EcoATM criou uma máquina que 'compra' o celular ou mp3 que o consumidor não quer mais.

TableShare

Os sócios Ricardo Katayama e André Camargo criaram o Tableshare, um site de relacionamento onde os usuários podem colocar fotos de pratos e bebidas. “É possível curtir a foto, colocar na lista de desejos e ainda criar um evento para cozinhar o prato”, explica Katayama. 

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Photopost

Fernando Saragoça, Mauricio Segura, Luis Soto e Bia Cotrin são sócios da 256 Pixels. A empresa é responsável pelo aplicativo PhotoPost para revelação de fotos do Instagram e Facebook, que são enviadas para qualquer lugar no Brasil. A equipe investiu R$ 10 mil para abrir e divulgar o negócio.

Contente

As amigas Luiza Voll e Daniela Arrais criaram a Contente para produzir projetos autorais. Um deles é o Instamission, com o objetivo de reunir pessoas diferentes com olhares sobre o mesmo tema. O projeto colaborativo de fotografia acumula mais de 100 missões, sendo 40 patrocinadas por empresas.

Procura-se um cachorro

Andrea Giusti criou o Procura-se Cachorro. A ferramenta, construída a partir do sistema de mapas e localização do Google, tem alcance em todo o Brasil. Permite o cadastramento de animais perdidos e encontrados, cruzando informações por meio de um robô, e envia alertas que podem ajudar na busca dos usuários.

MimpIt

Trata-se de uma plataforma para construção de sites e aplicativos para dispositivos móveis. A proposta é que, mesmo sem nenhuma experiência em tecnologia, qualquer usuário consiga construir e colocar no ar seu próprio aplicativo em até 10 minutos.

Qminder

A empresa desenvolveu um aplicativo para smartphone que transforma a fila real em virtual. E ainda avisa ao cliente quando sua vez se aproxima. O mecanismo pode ser usados por restaurantes em horário de pico, mas também por lojas e até empreendimentos maiores, como bancos.

Timecontra.com

Na rede social Timecontra.com é possível montar seu time, desafiar adversários da mesma região e buscar jogadores para completar a equipe. Já um jogador solitário pode buscar times que se encaixam no seu perfil.

Hotelli

Conectar profissionais que marcam viagens de última hora com hotéis com quartos vagos. E por um preço vantajoso, até 70% menor em relação a tarifas normais. Essa é a proposta do serviço online Hotelli.

Bridal Brokerage

A empresa é especializada em intermediar a compra e venda de casamentos cancelados em cima da hora. A ideia da empreendedora Lauren Byrne é unir em um mesmo local, no caso o site da empresa, casais que desistiram do casamento e, além do trauma que a situação já provoca, não pretendem também arcar - quase que eternamente - com os gastos envolvidos com a cerimônia que sequer efetivamente acontecerá.

.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.