CNI: metade das exportadoras perdeu mercado em 2010

Cerca de 32% das indústrias que exportam diminuíram a presença contra concorrentes estrangeiros

EDUARDO RODRIGUES, Agência Estado,

01 de agosto de 2011 | 16h45

Praticamente a metade das empresas exportadoras brasileiras perdeu participação no mercado externo no ano passado, de acordo com Sondagem Especial, divulgada nesta segunda-feira (1) pela Confederação Nacional da Indústria (CNI). Segundo o estudo, 32% das indústrias que vendem para fora do País diminuíram sua presença contra concorrentes estrangeiros e 16% deixaram de exportar. Apenas 9% das companhias conseguiram aumentar seus embarques em 2010.

Em 2011, 24% das empresas exportadoras estimam uma redução do peso das vendas ao exterior em seu faturamento bruto. No ano passado, a participação média dos embarques no faturamento das empresas exportadoras foi de 20%.

Para tentar reverter esse quadro, 68% das empresas que exportaram no ano passado ou pretendem exportar este ano estão adotando estratégias para ganhar mercado no exterior. Dessas, a principal medida que vem sendo adotada pelas empresas é reduzir custos para ganhar produtividade.

Tudo o que sabemos sobre:
ExportaçãoIndústria

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.