Beto Barta/AE
Beto Barta/AE

Cenário para 2012 é de crescimento do PIB de 4,5% a 5%, afirma Dilma

Presidente ainda disse que acredita numa inflação sob controle

Tânia Monteiro e Rafael Moraes Moura, Agência Estado,

16 de dezembro de 2011 | 13h04

  A presidente Dilma Rousseff disse nesta sexta-feira, 16, que o cenário para 2012 é de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) de 4,5% a 5%. "A meta é 5%. A meta do Guido (Mantega, ministro da Fazenda) é 5%, de toda a área econômica é de 5%.

"Tenho certeza que a inflação fica sob controle e manterá a trajetória de curva descendente suave", afirmou hoje a presidente, em café da manhã com jornalistas, no Palácio do Planalto.

As expectativas da presidente e da equipe econômica estão bem acima das projeções do mercado. Segundo o boletim Focus, divulgado na última segunda, 12, a mediana das expectativas para a expansão do PIB no próximo ano recuou de 3,48% para 3,40%, ante os 3,50% registrados quatro semanas antes.

Ao contrário das declarações recentes do ministro da Fazenda, Guido Mantega, a economia brasileira ainda não voltou a crescer após o fraco resultado do PIB do 3º trimestre. Na quarta, o Banco Central (BC) divulgou o Índice de Atividade Econômica do Banco Central (IBC-Br), espécie de antecedente do PIB, que mostrou queda de 0,32% em outubro perante setembro, na série com ajuste sazonal.

Outubro foi o terceiro mês seguido de queda na atividade. A última vez que o BC registrou igual desempenho foi em dezembro de 2008, no auge da crise financeira.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Tudo o que sabemos sobre:
PIBEconomia

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.