Canecas inteligentes ganham o mercado

Inovação no cotidiano dos consumidores é um bom caminho para empreender

ESTADÃO PME,

26 de outubro de 2013 | 09h10

 

É verdade! Quem nunca queimou a ponta da língua ao tentar beber um chocolate quente no inverno, um chá de camomila preparado pela tia favorita ou aquele café que acabou de ficar pronto? Mesmo assim, o sucesso da Smart Mug no site de financiamento coletivo Kickstarter faz o empreendedor mais atento pensar e se perguntar: mas é só isso que eu preciso para fazer sucesso no mundo dos negócios?

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

A Smart Mug é uma caneca com design minimalista, branca e com um diferencial em relação a todas as outras do mercado: ela é equipada com sensores que indicam a temperatura da bebida - e, com isso, podem indicar o melhor momento para degustar o seu conteúdo. Pois bem, o produto já arrecadou mais de 12 mil libras no Kickstarter - algo em torno de R$ 44 mil; e a campanha do projeto, que solicita aos contribuintes do site 15 mil libras, ainda vai ficar no ar por mais alguns dias.

Mas se o café quente pode ser uma inconveniência para a nossa língua, pode ser a solução para outro problema atual das pessoas - a falta de bateria em seus smartphones. Uma empresa nos Estados Unidos desenvolveu um dispositivo que pode ser considerado no mínimo curioso. A Epiphany onE Puck criou um produto que carrega o seu smartphone com a energia gerada por uma caneca de café quente ou copo com um líquido gelado - pode ser água, refrigerante, suco....

Qual das duas propostas tem mais espaço para crescer? Os investimentos nessas startups - ou a falta dele - vão nos dizer.

Tudo o que sabemos sobre:
INOVAÇÃO

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.