Divulgação
Divulgação

Café para ciclistas em São Paulo oferece estacionamento e banho por R$ 17

Aro 27 foi inaugurado em São Paulo e une café, loja, oficina, estacionamento e vestiário

GISELE TAMAMAR, ESTADÃO PME,

26 de julho de 2013 | 15h52

O biólogo Fabio Samori, de 39 anos, é um ciclista nato. Pedala desde criança. E encontrou na prática uma oportunidade de negócio em São Paulo. Ele inaugurou recentemente o Aro 27, uma mistura de café, loja, oficina e os dois diferenciais: estacionamento e o serviço de park´n shower. Ou seja, o ciclista pode deixar o veículo estacionado no local e tomar um banho antes de algum compromisso.

::: Siga o Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Para abrir o negócio, Samori investiu R$ 300 mil e espera conseguir o retorno do investimento em um ano. A expectativa é atingir um faturamento médio mensal entre R$ 30 mil e R$ 40 mil, a partir do sétimo mês de funcionamento. O Aro 27 teve uma pré-inauguração no dia 12 de junho e começou a funcionar para valer no dia 10 de julho, na Rua Eugênio de Medeiros, 445, próximo da estação Pinheiros do Metrô e CPTM.

Samori passou a utilizar a bicicleta como meio de transporte na época da faculdade. "Sempre tive problemas de onde estacionar a bicicleta e como chegar bem apresentável em alguns lugares. É uma dificuldade que todos os ciclistas têm", afirma. Mas depois de morar dois anos e meio na Europa, o empresário passou a ter uma ideia mais definida do conceito da bicicleta no meio urbano e resolveu investiu em algo ligado ao meio de transporte.

O bike café é focado em refeições rápidas, como massas, sopas, salgados e doces. Na hora do almoço, as refeições são servidas em forma de combo. Entrada, prato principal e sobremesa (ou café) têm preço médio de R$ 28. O café é gourmet e pode ser feito na máquina de café expresso ou no coador - o próprio cliente faz o seu café. O bule, coador e o pó de café na medida são levados até a mesa.

A bike shop vende acessórios, equipamentos e bicicletas com foco no uso urbano. Já quem pretende utilizar a área de estacionamento (6h às 20h) e tomar um banho paga R$ 17. O valor do serviço é menor para o cliente que optar por um plano mensal, trimestral, semestral ou anual, e pode chegar a R$ 12 por uso. O espaço tem capacidade para 40 vagas monitoradas por câmeras e os vestiários têm toalha, sabonete líquido, secador e até chapinha para as mulheres.

Outro benefício para os associados inclui serviços agregados para as bicicletas, de acordo com a longevidade do plano, como regulagem de freios até uma revisão completa. O Aro 27 funciona de segunda a sexta-feira, das 6h às 20h. Aos sábados, o horário é das 9h às 14h. "Começamos a abrir aos domingos quando a primavera chegar, em setembro", afirma Samori.

:: Veja fotos do local ::

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.