Divulgação
Divulgação

Bandas covers se tornam pequenas empresas de sucesso e transformam shows em experiências

A admiração por músicos se transforma em negócios organizados

DANIEL FERNANDES, ESTADÃO PME,

09 de abril de 2014 | 11h28

 Ter uma banda cover pode ser um grande barato. Além da homenagem, os músicos envolvidos na iniciativa, costumam se divertir muito. Mas agora essa proposta está se transformando em negócio. E dos mais interessantes. A profissionalização atingiu em cheio esses tributos, que contam com sites - muitas vezes caprichados - shows em diversos países e até loja virtual que vende de tudo. Essa compilação faz parte de interessante reportagem publicada pelo site Mashable.

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

É o caso da banda One Night of Queen. Uma das mais conhecidas, a banda tem neste shows já agendados nos Estados Unidos, Austrália, Nova Zelândia e Inglaterra. No primeiro país, as entradas custam entre US$ 25 e US$ 55. Outra banda que atua com bastante êxito neste 'mercado' é a The Fab Four, uma homenagem a banda considerada por muitos a maior de todos os tempos: os Beatles.

Além de agenda lotada de shows, a banda ainda administra uma loja virtual bacana que vende cds por US$ 16,99, camisetas masculinas que chegam a custar US$ 19,99, entre outros itens. Mesma estratégia, com menos empenho visual do site, adotada pelas meninas que cuidam de uma banda tributo ao Iron Maiden. The Iron Maidens, por vende camisetas a US$ 30.

 

Opinião do editor do PME. O interessante, pelo menos na análise das bandas mais exitosas, é que não se trata apenas de um grupo de músicos tocando canções de outros músicos mais famosos. Trata-se de uma experiência.

É o caso do tributo ao Queen, que oferece a oportunidade de ver e ouvir as canções que se tornaram conhecidas em todos os cantos do planeta. Experiência, por sinal, é uma estratégia que pode ser adotada por qualquer empreendedor. Não é fácil. Mas possível. Por isso, na sua próxima venda, ofereça uma experiência ao consumidor, não um produto.

Tudo o que sabemos sobre:
beatles

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.