Banco Central: previsão de inflação volta a subir para 2011 e 2012

Dados foram divulgados nesta segunda-feira e relevam a expectativa do mercado

AGÊNCIA ESTADO,

11 de julho de 2011 | 13h36

O mercado financeiro elevou a projeção para a inflação em 2011 e 2012, segundo o boletim Focus, divulgado pelo Banco Central (BC). De acordo com a pesquisa que ouve os analistas do mercado, a expectativa para a inflação oficial neste ano avançou de 6,15% para 6,31%, em um patamar distante do centro da meta de inflação, que é de 4,50%. A meta tem margem de tolerância de dois pontos porcentuais para cima ou para baixo.

A revisão para cima da expectativa para a inflação segue-se depois do resultado pior do que o esperado para o IPCA de junho, anunciado na semana passada. Em junho, o indicador oficial de inflação avançou 0,15%, resultado acima do que especialistas aguardavam.

A projeção para a inflação em 2012 subiu de 5,10% para 5,20%. No caso da inflação de curto prazo, o mercado elevou de 0,16% para 0,20% a previsão para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de julho de 2011. Para a inflação de agosto, a taxa prevista ficou estável em 0,29%.Para os índices gerais de preços, o mercado financeiro reduziu suas projeções em 2011. A estimativa para inflação medida pelo IGP-DI recuou de 5,91% para 5,76% e para o IGP-M, de 6,01% para 5,94%. Para 2012, o mercado segue trabalhando com alta de 5% para ambos indicadores. Em relação aos preços administrados, o mercado elevou de 5,10% para 5,20% a projeção para 2011 e manteve em 4,50% a estimativa para o próximo ano.

O mercado financeiro manteve a projeção de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em 2011, de 3,94%, segundo o boletim Focus. Para o ano que vem, a projeção para o crescimento da economia permaneceu em 4,10%. A estimativa para o crescimento da produção industrial em 2011 caiu de 3,34% para 3,28%. Para 2012, a projeção para a expansão da indústria caiu de 4,50% para 4,38%.

Juros e dólar

De acordo com a pesquisa Focus, os analistas elevaram a previsão para a Selic (a taxa básica de juros da economia) para o fim de 2011 de 12,50% ao ano para 12,75% ao ano. Atualmente, a taxa está em 12,25% ao ano. A projeção para a Selic no fim de 2012 continua em 12,50% ao ano.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.