Gabriela Bilo/Estadão
Gabriela Bilo/Estadão

Advogada investe R$ 300 mil em alfaiataria para cachorro

DogLover prepara sob medida smokings e até vestidos de festa para uso de animais de estimação; casamentos e outros eventos movimentam a demanda

Marcelo Osakabe,

31 de outubro de 2014 | 06h58

 Cães podem ser vistos passeando atualmente com seus donos em shoppings, hotéis e até em festas chiques. Pensando nessa intensa agenda social, uma empresária de São Paulo resolveu dar um passo além na oferta de produtos para o setor. Ela acaba de lançar uma loja que comercializa conjuntos de alfaiataria confeccionados sob demanda para bichos de pequeno e médio portes. 

::: Estadão PME nas redes sociais :::

:: Twitter ::

:: Facebook ::

:: Google + ::

Com a ajuda da mãe e da madrinha, a advogada Renata Tormin investiu R$ 300 mil na butique instalada no bairro dos Jardins, denominada DogLover. 

Como todo bom traje a rigor, as peças são produzidas em conjunto, no caso integrando coleira, peitoral e a roupa em si. Há também peças prontas, mais informais, que entretanto contam com um serviço extra de ajuste, um mimo para animais obesos ou muito pequenos. 

Mas a ‘cereja do bolo’ fica a cargo da linha especial para casamentos. Cresce o número de casais de noivos que escalam seus cães de estimação para a função de pajem ou dama de honra no momento da cerimônia e, no caso da Doglover, o nicho movimenta encomendas. “Essa ideia foi, na verdade, um pedido dos clientes, que queriam usar o animal de estimação na cerimônia, combinando com o próprio vestido ou com as outras damas de honra”, conta Renata. Inaugurado há dois meses, o negócio também conta com um e-commerce. O preço dos conjuntos oferecidos varia de R$ 149 a R$ 249.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.