As informações e opiniões formadas neste blog são de responsabilidade única do autor.

A inovação está em tudo. Até nos cupons de desconto

Daniel Fernandes

05 de setembro de 2011 | 10h14

A febre das compras coletivas no Brasil não atingiu apenas os consumidores. A estratégia de oferecer seus produtos por preços menores, e com a garantia de atrair muitos clientes, despertou o interesse de muitos pequenos e médios empreendedores.

Mas atrair o cliente uma única vez – ou sempre que se faz uma promoção – não é a melhor forma de utilizar esses serviços. Matéria publicada no site do Wall Street Journal, um dos mais respeitados meios de comunicação do mundo, mostra que a inovação não está apenas em criar um novo produto ou serviço. Muitas vezes, ela está no uso da criatividade para tornar um processo mais lucrativo.

É exatamente esse o tema da reportagem, que conta as estratégias de pequenos negócios nos Estados Unidos para não apenas atrair, mas para manter os consumidores que compram cupons de desconto.

Vale a pena conferir a reportagem aqui.

O Wall Street Journal conta, por exemplo, a história do dono de uma sorveteria que ofereceu aos clientes que compraram cupons de desconto a possibilidade deles participarem do programa de fidelidade da loja. Quem aderisse, poderia receber novas ofertas, mas desta vez por mensagens de texto.

Eis uma estratégia interessante: você não precisa se associar a uma empresa de descontos e, ainda por cima, pode fidelizar um cliente gastando muito pouco com o envio de mensagens de texto. Vale a pena pensar essa estratégia para a sua empresa.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: