Sete pontos de atenção para comprar uma empresa em funcionamento

Sete pontos de atenção para comprar uma empresa em funcionamento

Consultor do Sebrae-SP dá dicas para empreendedores que pensam em fechar um negócio do tipo. Finanças e reputação da empresa são pontos de destaque

Redação

17 de dezembro de 2019 | 15h40

Por Felipe Chiconato, consultor do Sebrae-SP

1 – Por que você deseja comprar esta empresa? Qual é o seu objetivo?

Parece uma pergunta simples, mas lhe protege de comprar por empolgação e permite que você analise melhor a oportunidade.

2 – Por que a empresa está à venda?

Converse com os atuais proprietários, ou outros franqueados, para entender os reais motivos da venda.

3 – Qual o resultado da empresa?

Peça demonstrativos de resultados de, ao menos, um ano de exercício. Alguns pontos importantes para observar: se os valores de pró-labores estão devidamente lançados, se a empresa tem períodos sazonais e qual o ponto de equilíbrio dela. Também avalie a lucratividade, rentabilidade e retorno do eventual investimento.

4 – Como é a operação da empresa?

Peça para acompanhar alguns dias da operação para entender como ela funciona, o clima organizacional, a relação e motivação da equipe, e se existem possibilidades para melhoria.

Foto: Unsplash

5 – A empresa tem dívidas de impostos, taxas, tributos e credores?

Cuidado. A existência de endividamentos sem um plano de quitação pode ser um sinal de problema, que virá junto com a empresa.

6 – Como será pago o valor de aquisição da empresa?

Esta informação é muito importante, pois se o investimento for à vista, será necessário lembrar que ainda vai precisar de recursos para capital de giro e investimentos na empresa. Se a compra for feita de forma parcelada, o investimento é diluído e você irá precisar assegurar recursos no fluxo de caixa (esta opção é mais interessante, pois tende a diminuir o valor do investimento)

7 – Qual a percepção do mercado sobre a empresa?

Converse com o cliente e veja o que ele acha da empresa, qual mensagem ela transmite. Imagem negativa dá trabalho para mudar, além de permear por um bom tempo.

Lembre-se que comprar uma empresa em funcionamento requer tantos cuidados quanto abrir uma empresa nova. Recomendo uma conversa com um advogado e contador antes de fechar o negócio, para evitar surpresas.

Trata-se de um investimento e por isso é preciso avaliar se realmente é oportuno e se vale a pena.