Paciência, humildade e amor… lições que o empreendedor pode aprender na Índia

Daniel Fernandes

25 de setembro de 2014 | 06h00

Rafael Mambretti é fundador da Carbono Zero Courier
Minha viagem à Índia está chegando ao fim. Passaram-se pouco mais de três meses e não dá para colocar em palavras o que experienciei, o quanto aprendi e regozijei nessa terra que é como uma mãe. Ela aceita – em sua casa – pessoas dos mais variados lugares e com diferentes anseios. Mudei de uma forma que minha mente se quer consegue ou conseguirá perceber. A Índia foi direto para o meu coração e por lá ficará.
O que é tangível vou tentar compartilhar com vocês. Não são conselhos, não é uma receita de “como fazer”, mas espero que a minha experiência possa levar à reflexão.
Lição 1 –  Paciência
Diariamente criamos expectativas. Se não se tornam realidade ficamos insatisfeitos, tristes, irritados e perdemos essa paz. É preciso entender que tudo tem um tempo certo (que muitas vezes não é o nosso), assim como na natureza.
Lição 2 – Humildade
Acho que é auto-explicativo. Humildade é uma virtude rara no mundo de hoje e isso inclui os negócios. “Quando uma árvore está carregada de frutos, ela se curva”.
Lição 3 – Amor
E não é só pelo que se faz ou pelo seu filho, seu irmão, seu marido, sua esposa ou pelo seu “trabalho”. É preciso ter um amor universal por tudo e todos. Tratar com respeito e compaixão sem olhar a quem.
Lição 4 – Desapego
Não é indiferença! Entenda que não precisamos de algo ou alguém para sobrevivermos. Se tivermos que fechar um negócio, começar outro ou vendê-lo, não se prenda, desapegue-se!
Lição 5 – Perdão
Perdoar para esquecer (forgive to forget ou vice-versa). Já carregamos tanta coisa em nossas costas, se não perdoarmos não deixarmos para trás, acumularemos peso desnecessário.
Lição 6 – Ética
Leia-se honestidade, transparência e respeito. Para com tudo e com todos. Inclusive com você.
Lição 7 – Fé
Acredite! Se é algo que vem do seu coração e você realmente sabe quando vem dele, acredite! Se nossos desejos são sinceros e por um bem maior, eles tendem a se concretizar, tenha fé!
Nos próximos posts voltaremos ao Brasil e à Carbono Zero Courier.
Abraços!

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: