Sete dicas rápidas para você vender mais neste Natal

Sete dicas rápidas para você vender mais neste Natal

Data é última aposta do ano para recuperar faturamento, depois da Black Friday; consultor do Sebrae-SP dá dicas desde arrumação da vitrine até gerenciamento do estoque

Redação

30 de novembro de 2020 | 22h19

Por Rafael de Souza, consultor de negócios do Sebrae-SP

Passada a Black Friday, os olhos do varejo se voltam para as vendas de Natal. A data é considerada uma grande aposta para os pequenos negócios recuperarem o faturamento de 2020 que foi impactado profundamente pela pandemia do coronavírus.

Mas a tarefa não será fácil. Levantamento da Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e da Offer Wise Pesquisas indica uma queda na intenção de compra: 54% dos consumidores devem presentear alguém no Natal deste ano contra 77% do ano passado. Em valores, a data deve movimentar cerca de R$ 38,8 bilhões no setor de comércio e serviços.

Para ajudar o empreendedor nesse desafio de conquistar o consumidor e aumentar as vendas, separei sete dicas rápidas. Confira a seguir:

1. Agregue valor

Dê dicas de como seus produtos/serviços podem ser utilizados para presentear amigos, parentes, parceiros e clientes mais importantes! Enfatize aqui como seus produtos/serviços agregam valor e se destacam frente a concorrência.

2. Personalize a experiência

Crie promoções exclusivas para esta época do ano, além de personalizar toda a comunicação (offline e online) da sua empresa e espaço físico da sua loja com a temática natalina. Neste último caso, crie uma experiência única, que faça as pessoas quererem tirar foto, fazer check in nas redes sociais e marcar/divulgar a sua empresa.

Decoração de Natal em shopping de São Paulo, em 2019. Foto: Nilton Fukuda/Estadão

3. Facilite a venda online

Neste momento, mais do que nunca, ofereça formas de seu cliente poder comprar de forma digital e receber/entregar os presentes sem ter que ir até a sua loja.

4. Apele para o emocional

Utilize gatilhos mentais de escassez, urgência, autoridade, prova social, dentre outros para atingir o lado emocional de seus clientes.

5. Compre um, compre dois

Faça cross-sell (venda cruzada), técnica que consiste em fazer uma oferta de um produto complementar ao que o cliente decidiu comprar para aumentar o ticket médio da loja.

6. Organize o estoque

Prepare seu estoque e/ou a sua produção para ser capaz de entregar tudo de acordo com a demanda, no prazo certo e de acordo com o que prometeu aos clientes.

7. Afie a comunicação

Treine a sua equipe de vendas para fazer vendas consultiva, ou seja, para auxiliar seus clientes terem o melhor atendimento e a solução (produto/serviço) mais adequada a necessidade/desejo deles.

Tudo o que sabemos sobre:

EmpreendedorismoSebraecoronavírusNatal

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.