O não, tu já tens. Agora conquiste o sim

Daniel Fernandes

12 de março de 2014 | 07h53

Leo Spigariol (direita) escreve toda quarta-feira.
O não, tu já tens. Agora conquiste o sim. Você já escutou essa frase? Eu pelo menos nunca havia escutado até que, num belo dia, resolvi arregaçar as mangas e começar a fazer as nossas primeiras vendas, há uns dois anos atrás, em um dos mais belos e imponentes restaurantes da rodovia Pres. Castello Branco, próximo à São Paulo. O gerente me recebeu com seu olhar lusitano desconfiado, olhando para mim e metralhando as sábias e congelantes palavras: “Pois bem, o não, tu já tens. Agora conquiste o sim”.
Após alguns segundos de silêncio e reorganização mental, comecei a falar de forma bem improvisada sobre a ideia, o projeto e os produtos. E, a partir desse dia, tirei muitas lições dessa situação.Se você refletir sobre a questão, o grande segredo do sucesso é conseguir que as pessoas que estão envolvidas em seu projeto digam mais o sim do que o não, ou seja buscar aceitação.
E, para cada situação, a forma de conseguir essa palavra tão mágica é diferente. Os atributos para convencer o comprador do supermercado são diferentes do que você precisa para o consumidor. Assim funciona conseguir bons fornecedores, como uma agência de propaganda bacana, já que é necessário que ela queira sua ideia, diga sim a ela. E manter a sua equipe engajada, conseguir aquele fotógrafo super concorrido pela metade do preço. Reflita sobre esse ponto e encontre a fórmula de receber o sim nas diversas situações de seu dia a dia.
Sim, o restaurante da Castello Branco é A Quinta do Marquês e faço questão fazer as vendas até hoje, pessoalmente, para sempre lembrar a lição do sr. Antônio.
Curtiu? Então multiplique. Repasse. Trafique. Contra bandeie esse conteúdo. Sem medo de ser feliz. E até a próxima quarta.

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.