Leia antes de empreender

Daniel Fernandes

14 de setembro de 2016 | 15h21

Sou enormemente grato pelo tanto que aprendi – e continuo aprendendo – lendo textos inspiradores de origens inusitadas. E sinto uma enorme responsabilidade de retribuir e passar adiante neste blog, em tempo real, a minha jornada de empreendedor no Pastifício Primo.
Assim, toda semana busco compartilhar algum pensamento útil e “mãos na massa”. Às vezes escrevo um resumo do livro que estou lendo. Ou faço comentários sobre um filme. Ou simplesmente analiso o meu trabalho no dia a dia da empresa. Seja como for, tenho essa tendência a fazer listas – eu gosto de fazer listas – de preferência numeradas.

Adorei encontrar, portanto, um cara que também faz listas numeradas, o Gordon Tredgold. Uma em especial me chamou a atenção, com 10 conselhos que toda pessoa deveria saber ANTES de empreender. Portanto, se você está pensando em iniciar um negócio, abrir sua lojinha, trabalhar por conta própria, investir nas suas ideias e abrir sua sonhada empresa, recomendo, antes de mais nada, ler a lista a seguir:
1.Antes de criar novos produtos, resolva velhos problemas, pois 42% dos lançamentos de produtos fracassa porque o produto simplesmente não tem demanda no mercado. Então, antes de criar e lançar novos – caros – e maravilhosos produtos, é mandatório verificar se eles são de fato necessários.
2.Esqueça de ser um sucesso instantâneo, pois mesmo as empresas que tiveram rápido sucesso, como a Amazon, levaram ao menos 3 anos para acontecer. A grande maioria leva 10 anos para realmente “chegar lá”. Então, se você quer ser milionário, prepare-se para uma longa jornada.
3.Foco nos seus pontos fortes, não nas fraquezas. O sucesso, sem dúvida, vai surgir de seus pontos fortes e qualidades. E busque pessoas para complementar seus pontos fracos. Gastar tempo e energia para resolver seus pontos fracos não é uma boa forma de usar seu tempo.
4.Junte um bom time ao seu redor, pois é impossível fazer tudo sozinho, sempre precisamos de ajuda. Mas tenha certeza de escolher as pessoas certas. Pesquisa mostra que 29% das startups fracassam pela equipe mal escolhida. Portanto, dedique tempo e atenção neste ponto.
5.Se você vai falhar, seja rápido. Errar é parte do processo, é normal e não deve ser surpresa se dar mal aqui ou ali. Mas é bom errar o mais rápido possível, adaptar-se e tentar novamente. Uma das piores coisas que pode acontecer é falhar devagar e não mudar o rumo.
6.Entenda sua proposta de valor. Se você não entende muito bem o que você está vendendo, imagine os clientes então! Seja sempre o mais simples possível e o mais direto que conseguir para explicar seu produto ou serviço.
7.Conheça seu cliente! É impressionante ver a quantidade enorme de empreendedores que não sabem quem são seus clientes. Isso faz o marketing praticamente impossível.
8.Nem todo cliente é o seu cliente. A gente sempre escuta que “o cliente tem sempre razão” e isso é verdade. Mas também é necessário saber que nem todo cliente é o cliente correto. Não devemos ter medo de dispensar clientes que menosprezam a qualidade ou a proposta de valor de seu negócio. Assim como existem produtos e empresas ruins, também tem clientes ruins. Devemos manter o foco no cliente correto, pois é ele que vai pagar as contas.
9.Aprenda dos erros dos outros, pois erros são enormes oportunidades de aprendizado, mas não precisamos cometer todos eles para aprender. Algumas vezes podemos aprender do erro do concorrente. Mais de 80% das startups não dá certo. Então podemos sem dúvida aprender algumas coisas sem perder dinheiro.
10.Sem venda não tem negócio. Vendas são como oxigênio, e sem vendas, a empresa morre. Simples assim. Então tenha cuidado de não ficar perdido em design de produto, marketing, planejamento, recrutamento, marca e tantas coisas e esquecer do mais importante: vendas.
Nada de novo ou genial, mas tudo completamente elementar. E pode parecer simples, mas custa – e muito – às vezes, aprender.
Ivan Primo Bornes – o fundador e masseiro do Pastificio Primo escreve toda semana no Blog do Empreendedor. Quer fazer uma pergunta ou comentário? Receber uma dica? Escreva direto para ivan.primo@pastificioprimo.com.br

publicidade

publicidade

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.