Com quantos anos eu começo uma empresa de sucesso? Depois dos 40!

Daniel Fernandes

14 de janeiro de 2015 | 10h42

Adolf Dassler fundou a Adidas
É sempre a mesma história. Cheguei aos 40 anos, o que faço da minha vida? A frustração pelos sonhos da juventude que se desfizeram durante a vida adulta, impede muitos de continuar a sonhar. Outros, que estão em um momento de crescimento pessoal e profissional, seguem adiante sem muitos questionamentos. E uma parte dessas pessoas começa a empreender. Não acredita? Então confira oito casos de empreendedores que começaram com seus negócios com mais de 40 anos e fizeram muito, mas muito sucesso.
Tem a turma dos 40 anos
Jerry Baldwin. Com 42 anos, ele começou a principal rede de cafeterias do mundo, a Starbuks.
Sam Walton. Ele já era um respeitável senhor de 44 anos quando decidiu investir, nos Estados Unidos, no conceito de grandes mercados. Achamos que sua empreitada, a julgar pela presença global da marca, deu certo.
Adolf Dassler. Esportistas olímpicos da Alemanha precisavam de tênis melhores para disputarem competições, Dassler, ao lado do seu irmão, fundou a Adidas. Marca também com presença global. Ele tinha 48 anos.

E tem a turma dos 50 e 60 anos

Chung Ju-Yung tinha 51 anos quando tomou dinheiro emprestado para começar um negócio voltado para prestar serviços aos donos de automóveis. Mais tarde, a Hyundai se transformaria numa das principais montadoras de carros do planeta.
Joseph Campbell era apenas um ano mais velho, tinha 52, quando decidiu criar uma sopa instantânea que ficaria conhecida em todo mundo – a Sopas Campbell.
Henri Nestlé também tinha 52 anos quando começou a multinacional de laticínios a partir de um produto elaborado para substituir o consumo, dos bebês, do leite materno.
O caso mais curioso talvez seja o de Ray Kroc, fundador do McDonald´s. Até os 52 anos, ele era vendedor de copos de papel. Algum tempo depois, ele se tornaria um dos principais empresários dos Estados Unidos, o que não é pouca coisa.
E Charles Flint tinha incríveis 61 anos quando começou uma empresa relevante até hoje e que dispensa maiores comentários: ele fundou a IBM em um período em que muitos o considerariam um legítimo representante da terceira idade.
Daniel Fernandes é editor do Estadão PME e está próximo, muito próximo dos 40 anos.

Tudo o que sabemos sobre:

Blog do EmpreendedorEstadão PME

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências: